Consórcio de Campo Grande tem isenção de R$ 38,5 milhões em imposto

Até o momento, não há previsão de contrapartida. Foto: Divulgação.

Empresas de ônibus serão desobrigadas a pagar ISS para a Prefeitura em 2019, 2020 e 2021

JESSICA MARQUES

O Consórcio Guaicurus, de empresas de ônibus de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, terá isenção de aproximadamente R$ 38,5 milhões em imposto. Em 2019, 2020 e 2021, a Prefeitura vai conceder isenção de ISSQN (Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza) para as operadoras de transporte coletivo urbano.

O valor está previsto na Lei de Diretrizes Orçamentárias publicada no Diário Oficial do Município. A isenção refere-se ao exercício financeiro de 2019 publicado no documento.

O aumento da isenção ocorrerá de forma progressiva nos três anos. Conforme reportagem publicada por Natalia Yahn no Correio do Estado, a Câmara Municipal ainda vai analisar se concede ou não a isenção.

Até o momento, não há previsão de contrapartida do consórcio pela isenção. Em 2017, porém, a Prefeitura exigiu reforma nos terminais de transbordo e instalação de 100 pontos de ônibus pela isenção.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: