Jogo do Brasil: Veja como será funcionamento do rodízio e transporte público em São Paulo nesta sexta

SPTrans vai monitorar a frota em tempo real para calcular a demanda de passageiros fora do horário de pico habitual. Foto: Adamo Bazani

SPTrans, EMTU e CPTM terão operação especial ao longo do dia

JESSICA MARQUES

Por conta do jogo do Brasil contra a Bélgica, nesta sexta-feira, 6 de julho, às 15h, o sistema de transporte público da capital paulista terá alterações. Na região Metropolitana de São Paulo, também serão realizadas operações especiais para atender a demanda de passageiros.

A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) informou que vai manter o rodízio municipal para veículos de passeio e caminhões. Portanto, motoristas devem ficar atentos.

A SPTrans, por sua vez, vai monitorar a frota em tempo real para calcular a demanda de passageiros fora do horário de pico habitual. O esquema já foi adotado nos últimos jogos da seleção.

A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) informou que diminuirá o intervalo entre os trens, variando de 4 a 6 minutos, no período que antecede o jogo, das 12h às 15h, em todas as linhas. “Se o Brasil ganhar este jogo, a estratégia será repetida na próxima terça-feira (10/7), quando haverá a disputa pela Semi Final a partir das 15h.”

A EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) informou, em nota, que haverá reforço na operação das linhas metropolitanas das 13h às 15h, quando começa a partida. “As operações especiais ocorrerão nas linhas intermunicipais das cinco regiões metropolitanas do Estado (São Paulo, Baixada Santista, Campinas, Vale do Paraíba / Litoral Norte e Sorocaba).”

Jessica Marques para o Diário do Transporte

 

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta