Na América do Norte, Uber vai recompensar motoristas que comprarem carros elétricos ou híbridos

A recompensa será de no mínimo um dólar a mais por viagem, como cortesia. Foto: Reuters

Empresa anunciou que vai pagar um valor adicional para quem substituir os veículos comuns

JESSICA MARQUES

A Uber informou que vai vai recompensar motoristas que comprarem carros elétricos ou híbridos na América do Norte. Para reforçar a preocupação da empresa com a emissão de poluentes na atmosfera, quem substituir os veículos comuns receberão um valor adicional por corrida.

A recompensa será de no mínimo um dólar a mais por viagem, como cortesia. O projeto ficará em fase de testes por um ano e será realizado em sete cidades dos Estados Unidos: Los Angeles, São Diego, Sacramento, São Francisco, Seattle e Austin.

No Canadá, motoristas de Montreal também serão recompensados, mas o valor varia de acordo com cada cidade.

Em Sacramento, por exemplo, a Uber vai pagar aos motoristas US$ 1,50 de bônus por viagem, além de oferecer carregamento gratuito nos postos de recarga da SMUD, empresa de energia da cidade.

Em Los Angeles, por sua vez, não haverá incentivo financeiro, mas os motoristas vão ganhar assistência educacional e notificações sobre os benefícios dos veículos elétricos, como descontos na instalação de carregadores e locais onde é permitido o uso de via exclusiva com passageiro único.

Outra mudança para motoristas de veículos elétricos é que serão avisados caso a próxima viagem tenha duração de pelo menos 30 minutos, para que possam se programar de acordo com a recarga e autonomia da bateria.

A Uber pretende alcançar a marca de 5 milhões de viagens em carros elétricos no ano, 1 milhão a mais que em 2017.

Outro projeto sustentável da empresa foi o investimento no compartilhamento de bicicletas. Relembre: Uber investe em compartilhamento de bicicletas na Alemanha.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta