Jacob Barata é sócio de empresas de ônibus acusadas de descontos ilegais

As três empresas têm exatamente 54% da sociedade para quatro integrantes da família Barata. Foto: Agência Brasil.

Viações Verdun, Transurb e Nossa Senhora das Graças foram denunciadas pela ilegalidade

JESSICA MARQUES

O empresário Jacob Barata foi citado em mais um escândalo revelado pela CPI dos Ônibus da Câmara Municipal do Rio de Janeiro. Três empresas de ônibus das quais Barata é sócio foram acusadas de descontos ilegais.

Conforme publicado pela repórter Maria Luisa de Melo, do Jornal do Brasil, as viações Verdun, Transurb e Nossa Senhora das Graças foram denunciadas pela ilegalidade.

As três empresas têm exatamente 54% da sociedade para quatro integrantes da família Barata, segundo a reportagem. Os outros 46% estão divididos entre 15 sócios, incluindo a empresa Jacob & Daniel Participações S/A, da qual o empresário faz parte.

Ainda segundo a reportagem do Jornal do Brasil, o maior acionista das três empresas é Jacob Barata, com 25,8% de cada. Entretanto, o restante das viações são dos herdeiros Jacob Barata Filho, (o Jacozinho), Rosane Ferreira Barata e David Ferreira Barata, cada um com 9,5%.

Outros 9,5% são da empresa Jacob & Daniel Participações S/A. O nome seria uma homenagem ao filho mais novo do empresário, Daniel, que foi sequestrado em 1994 em uma das garagens de ônibus da família e foi morto mesmo após pagamento do resgate.

O relatório também mostra que Jacob Barata Filho controla dez das 42 empresas de ônibus do Estado do Rio de Janeiro.

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

  1. Emílio Martins Mendes disse:

    Se prender de novo o compadre solta, é perda de tempo.

  2. Perfumes disse:

    Auto viação Jabour tbm tem essas sacanagem

Deixe uma resposta para Perfumes Cancelar resposta