Palmas tem aumento da passagem de ônibus e frota reduzida

Prefeitura informou que dez veículos de reserva serão retirados para evitar maior reajuste

JESSICA MARQUES

A passagem de ônibus de Palmas vai de de R$ 3,50 para R$ 3,75 a partir de segunda-feira, 25 de junho de 2018. Além do reajuste, a Prefeitura informou que haverá redução de dez veículos da frota reserva para evitar que o aumento seja maior.

“Para não ter uma tarifa muito elevada, que poderia chegar até R$ 3,86, nós fizemos alguns ajustes, fazendo a retirada de 10 ônibus na frota reserva” — disse o secretário executivo de segurança e mobilidade urbana, Jocélio Santos.

Segundo os estudos apresentados pela CTTP (Câmara Temática de Transporte Público), o que mais pesou neste aumento foi o vencimento da medida provisória que isentava o ICMS (Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços) sobre o óleo diesel, imposto este que representa 17 centavos sobre a tarifa. O secretário também citou folha de pagamento e outros insumos.

“Para o secretário executivo e membro do CMAMTT, Jocélio Santos, o reajuste da tarifa representa na prática um aumento de 2,29%, percentual abaixo da inflação, uma vez que nesse reajuste somasse 4,86% do ICMS” — informou a Prefeitura, em nota.

Em entrevista coletiva, Jocélio explicou que o processo de cálculo da tarifa é estudado pelo conselho todo início de ano e tem como base os custos do ano anterior, de janeiro a dezembro.

“Após colocar os dados na planilha, começarmos a fazer as simulações, o conselho apresentou ao executivo quatro valores possíveis de tarifa R$ 3,88, R$ 3,84 e R$ 3,80 e R$ 3,75. Na época o Executivo optou pelo valor menor de R$ 3,75. Para chegar ao resultado final da tarifa técnica, o cálculo tarifário leva em conta todos os custos que são rateados pelos passageiros pagantes” — disse o secretário executivo.

A nova tarifa foi debatida pelo Conselho de Acessibilidade, Mobilidade, Trânsito e Transporte de Palmas e publicado no Diário Oficial do Município em 27 de março de 2018, por meio do Decreto de nº 1.966/2018.

Clique aqui e confira a planilha de custos do transporte público

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta