Tabela do frete indefinida trava transporte de carga no Brasil

Foto: DER

Empresas estão adiando embarque de mercadorias, o que reflete na exportação e na produção

JESSICA MARQUES

A indefinição sobre a tabela com o preço mínimo do frete rodoviário está travando o transporte de carga no Brasil. Apesar de não haver mais bloqueios nas estradas ou paralisação, as próprias empresas decidiram adiar o embarque das mercadorias.

Todo esse imbróglio reflete na exportação de produtos e na produção. Segundo informações do ministro da Agricultura, Blairo Maggi, publicadas no jornal O Estado de S. Paulo, há um atraso de 11 dias nos embarques do agronegócio. “Deixamos de exportar 450 mil toneladas por dia” – disse ao veículo de comunicação.

Segundo a publicação, o que foi deixado de ser exportado seria suficiente para carregar 60 navios. Contudo, sem carga, as embarcações ficam paradas no porto, sujeitas a uma cobrança diária de US$ 25 mil.

Segundo o diretor-geral da Associação Nacional de Exportadores de Cereais, Sérgio Mendes, outros 60 navios estão chegando aos portos brasileiros, correndo o risco de enfrentarem o mesmo problema.

De acordo com informações do Estadão, na produção industrial também há cargas paradas. A CNI (Confederação Nacional da Indústria) informou que as empresas já enfrentam dificuldades para obter insumos.

Até o momento, a tabela com o preço mínimo do frete rodoviário já foi editada três vezes. A primeira versão é a que está em vigor hoje e desagrada o setor de agronegócio, por conter aumentos de até 150%.

A segunda opção foi mais leve para os produtores, mas desagradou os caminhoneiros, portanto, foi revogada. No momento, uma terceira versão está sendo discutida.

A ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) informou na manhã desta terça-feira, que continua conversando com os caminhoneiros e outros setores envolvidos para encontrar um meio-termo entre as versões das tabelas.

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta