Prefeito de Manaus descarta aumento na tarifa de ônibus

Na manhã deste sábado, os ônibus não circularam. Foto: Higor Luis / Ônibus Brasil

Arthur Neto esteve em reunião neste sábado para encontrar medidas que acabem com a greve no transporte coletivo da cidade

JESSICA MARQUES

Em meio à greve de ônibus, o prefeito de Manaus, Arthur Neto, afirmou em entrevista coletiva que não concederá aumento da tarifa. O chefe do executivo reuniu-se, neste sábado, com o coordenador do Centro Integrado de Comando e Controle, coronel Fábio Pacheco, para garantir que medidas judiciais sejam cumpridas e a greve seja encerrada.

“A notícia boa é que as frotas das empresas começaram a funcionar agora e daqui a pouco estarão à pleno vapor. Nós esperamos que essa paz seja duradoura, que venha um acordo, nesse acordo as cláusulas podem ser diversas em comum acordo entre rodoviários e empresários, só tem uma que não entrará nesse acordo, não haverá nenhum reajuste de tarifa. Esse é meu compromisso comigo e com a cidade” – disse o prefeito.

Na manhã deste sábado, os ônibus não circularam, mas a situação foi normalizada poucas horas depois. A previsão é de que 60% da frota circule hoje.

Relembre: Circulação de ônibus começa a ser retomada em Manaus e veículos devem operar com 60% da frota

Jessica Marques para o Diário do Transporte

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta