Rodízio municipal de veículos segue suspenso nesta segunda-feira em São Paulo por causa de impactos da greve dos caminhoneiros

Medida é para compensar a menor oferta de ônibus

ADAMO BAZANI

A prefeitura de São Paulo vai manter suspenso o rodizio municipal de veículos por causa do efeito da greve dos caminhoneiros.

Vão circular normalmente veículos com placas de final 1 e 2 no centro expandido da cidade, entre 7h e 10h, e 17h e 20h.

Também está suspensa a zona máxima de restrição a caminhões. O prefeito Bruno Covas anunciou a suspensão da restrição de circulação de caminhões na capital paulista até o próximo domingo, dia 3 de junho.

A medida é para compensar a menor oferta de ônibus que deve ocorrer nesta segunda-feira, dia 28 de maio.

No final da manhã destes domingo, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, disse que suspendeu a restrição de circulação de caminhões na cidade até o próximo domingo, 03 de junho.
O prefeito afirmou ainda que  suspender a restrição de circulação de caminhões na cidade até o próximo domingo.

Veja em:

 

https://diariodotransporte.com.br/2018/05/27/bruno-covas-descarta-feriado-suspende-restricao-de-caminhao-ate-domingo-que-vem-e-busca-diesel-de-onibus-para-terca-feira-em-sao-paulo/

 

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Comentários

Deixe uma resposta