Governador de São Paulo, Marcio França, anuncia uma série de medidas para convencer os caminhoneiros a liberar as rodovias paulistas

Poder público espera desmobilizações para esta noite

ADAMO BAZANI

Entre as medidas prometidas pelo Governo do Estado de São Paulo estão:

– A suspensão da cobrança do eixo suspenso nas praças de pedágios das rodovias paulistas. A renúncia deve ser de R$ 50 milhões por mês

– Garantir que desconto do ICMS sobre o diesel chegue nas bombas

– Em 2019, haverá cobrança do IPVA diferenciada para caminhoneiros autônomos

– Suspensão de cobrança de multas dos manifestantes

– Mais um representante de caminhoneiros autônomos na Artesp, a agência que regula os transportes em São Paulo

O Governo do Estado espera desmobilizações ainda nesta noite.

O ministro da Secretaria de Governo da Presidência da República, Carlos Marun, vem a São Paulo às 21h para acompanhar os resultados das medidas para os desbloqueios.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Deixe uma resposta