Distrito Federal pode ficar sem ônibus a partir de sexta-feira se abastecimento não se normalizar, dizem viações

Foto ilustrativa Crédito: Danilo Oliveira

Estoques variam de acordo com cada empresa

ADAMO BAZANI

Por causa da greve dos caminhoneiros, que tem dificultado as entregas de diesel nas garagens de ônibus, a partir de sexta-feira quem depende de transporte coletivo no Distrito Federal pode enfrentar dificuldades.

É que os estoques das companhias de transportes estão sendo reduzidos sem o abastecimento.

As empresas Pioneira e a São José dizem que só têm combustível suficiente para operarem até o final desta quinta-feira, 24 de maio, de forma integral.

Já a Urbi e a Marechal dizem que têm diesel até o final da noite de sexta-feira, 25 de maio.

Os estoques da Viação Piracicabana, segundo a empresa, duram até o final deste domingo, 27.

A TCB, empresa pública, não informou a previsão de seus estoques.

A DFTrans, gerenciadora do sistema, pode criar um esquema especial de operação se o abastecimento não se normalizar até amanhã.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:
Comentários

Deixe uma resposta