Catracas duplas devem ser retiradas dos ônibus de Maceió

Passageiros relatam constrangimento ao passar por catraca alta.

Câmara de Vereadores derrubou veto do Projeto de Lei que obriga retirada dos chamados gaiolões

JESSICA SILVA PARA O DIÁRIO DO TRANSPORTE

As catracas duplas serão retiradas dos ônibus de Maceió, em Alagoas. A Câmara de Vereadores derrubou o veto do Projeto de Lei que obriga retirada dos chamados gaiolões. Com isso, o prefeito Rui Palmeira tem 15 dias para sancionar a lei e fazer com que a medida entre em vigor.

O Projeto de Lei é de autoria do vereador Silvânio Barbosa. Caso o prefeito não sancione a lei, o presidente do Legislativo, o vereador Kelmann Vieira, deve promulga-la. De qualquer maneira, as catracas altas serão retiradas e ficarão mantidas apenas as convencionais.

Em janeiro de 2018, a Prefeitura de Maceió vetou o Projeto de Lei aprovado pela Câmara de Vereadores que proibiria a instalação das catracas duplas nos ônibus urbanos na capital.

Um dos principais argumentos para a retirada das catracas altas é o fato de causarem constrangimento e dificuldade à população que precisa passar pelos bloqueios. Muitos passageiros relataram não conseguir empurrar os dois mecanismos de uma vez e acabam se machucando.

A ideia da instalação dos chamados gaiolões foi, inicialmente, coibir fraudes e evitar que passageiros passem pelo espaço de cima das catracas, sem pagar a passagem. O sistema foi implantado em 2017.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: