Protesto contra demissão de cobradores afeta circulação de ônibus no Paraná

Segundo o sindicato, dois cobradores foram demitidos

Passageiros de Piraquara enfrentaram atrasos de até uma hora, na Região Metropolitana de Curitiba

JESSICA SILVA PARA O DIÁRIO DO TRANSPORTE

Os passageiros de Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba, no Paraná, enfrentaram atrasos de até uma hora nas viagens de ônibus da manhã desta quarta-feira, 16 de maio de 2018. A demora foi resultado de um protesto contra a demissão de dois cobradores.

Os funcionários teriam sido demitidos pela empresa Piraquara Transportes Coletivos, segundo informações do Sindimoc (Sindicato de Motoristas e Cobradores de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana).

O sindicato informou ao portal Bem Paraná que as demissões ferem a Convenção Coletiva de Trabalho firmada em negociação salarial. O acordo era de estabilidade para cobradores e motoristas com mais de 45 anos de idade mais de 10 anos de trabalho.

A empresa Piraquara tem aproximadamente 800 funcionários e opera 18 linhas no município e na região metropolitana, incluindo Curitiba. A viação não comentou o assunto.

2 comentários em Protesto contra demissão de cobradores afeta circulação de ônibus no Paraná

  1. SDTConsultoria em Transportes // 16 de maio de 2018 às 11:19 // Responder

    … E a autonomia das empresas ? A gestão é feita pelo sindimoc ou pelos executivos contratados para tal ?

  2. Tantas cidades já trabalham sem cobradores ( Maringá, São José dos Pinhais …..), com essa concorrência não tem outra saída, infelismente a retirada dos cobradores é uma alternativa.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: