Greve impede circulação de ônibus no Espírito Santo

Funcionários da empresa Santa Zita cruzaram os braços no Terminal de Campo Grande, em Cariacica

 JESSICA SILVA PARA O DIÁRIO DO TRANSPORTE

Os funcionários da empresa Santa Zita, no Espírito Santo, cruzaram os braços na manhã desta terça-feira, 17 de abril de 2018. A paralisação impede os ônibus de saírem do Terminal de Campo Grande, em Cariacica, na Região Metropolitana de Vitória. Os passageiros não conseguem seguir viagem.

Conforme informado pelo presidente do Sindirodoviários (Sindicato dos Rodoviários), Edson Bastos, ao portal Gazeta Online, o motivo da paralisação é que a empresa adotou o regime de jornada reduzida. O sindicato é contra esse tipo de contratação.

Bastos disse ainda que o TRT (Tribunal Regional do Trabalho) decidiu que os rodoviários não podem trabalhar em jornada reduzida, que é de quatro a cinco horas. A justificativa é que não há previsão legal para a decisão, que deveria ter sido tomada em acordo coletivo. Para o sindicato, a jornada ideal seria de sete horas.

Conforme publicação do portal Gazeta Online, um coletivo tentou sair do terminal, mas foi impedido. Há informações de que a Polícia Militar está no local. A Ceturb (Companhia Estadual de Transportes Coletivos de Passageiros do Estado do Espírito Santo) ainda não se posicionou sobre o ocorrido.

1 Trackback / Pingback

  1. Ceturb informou que vai notificar o Ministério Público Estadual sobre greve que afetou a circulação dos ônibus no Espírito Santo – Diário do Transporte

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: