Obras viárias entregues na região de Utinga, em Santo André, devem reduzir o tempo de viagem de 11 linhas de ônibus, promete gestão

Prefeitura criou duas novas pistas, uma para quem acessa a Avenida dos Estados e outra para o Viaduto Juvenal Fontanella

JESSICA SILVA PARA O DIÁRIO DO TRANSPORTE

As obras viárias entregues pela Prefeitura de Santo André na região de Utinga, nesta terça-feira, 10 de abril de 2018, vão reduzir o tempo de viagem de 11 linhas de ônibus. Pelo menos é o que promete a Prefeitura. As intervenções resultaram na criação de duas novas pistas, uma para quem acessa a Avenida dos Estados e outra para o Viaduto Juvenal Fontanella e a Avenida da Paz.

Em horário de pico, o tempo médio para cruzar a avenida e seguir no sentido Utinga pode chegar a 15 minutos, quando o trecho fica congestionado. Como os automóveis compartilham as imediações com os ônibus, as obras devem evitar atrasos nas linhas de transporte coletivo que atendem a região de Utinga e passam pelas vias. O fluxo médio diário da Avenida dos Estados é de 70 mil veículos.

Conforme informado pela Prefeitura de Santo André ao Diário do Transporte, seis linhas municipais percorrem a região. São elas I 01 – Jardim Alzira Franco / Fundação Santo André, I 05 Vila Rica / Estação de Utinga, I 06 Jardim Bom Pastor / Estação de Utinga, T 24 Estação de Santo André / Estação de Utinga, U 22 Parque Capuava / Estação de Utinga e U 26 Parque Capuava / Estação de Utinga.

Os ônibus intermunicipais também passam pelo local e terão o tempo de espera reduzido para cruzar a Avenida dos Estados. As linhas metropolitanas que atendem o trecho são cinco: TRO 140 Santo André (Terminal Santo André Leste / São Caetano do Sul ( Vila Prosperidade ), TRO 066 – Santo André ( Jardim Las Vegas ) / São Paulo (Terminal Sacomã), TRO 043 – Santo André (Cata Preta) / São Caetano do Sul, TRO 194 – Santo André ( Jardim Guarará ) / São Caetano do Sul e TRO 262 – Santo André Terminal Leste / SP (Guaianazes).

“O principal ganho de tempo esperado para o motorista será na descida do Viaduto Juvenal Fontanella, onde as filas devem ser reduzidas e o tempo de espera para cruzar a Avenida dos Estados deve diminuir” – informou a Prefeitura, em nota.

OUTRAS INTERVENÇÕES

As obras de reconfiguração do traçado viário permitiram a criação das duas pistas novas. Além disso, a Prefeitura também fez uma redistribuição dos pontos de iluminação do canteiro central, com o objetivo de iluminar a Avenida dos Estados.

Outra intervenção foi feita pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), que implantou 63 metros de tubulações de galerias de águas pluviais, que vão captar as águas de chuva da Avenida da Paz e encaminhá-las ao rio Tamanduateí.

Instalação de ramais, bocas de lobo e nova pavimentação no asfalto também fizeram parte do conjunto de obras. Segundo informações da Prefeitura, o investimento total foi de R$ 1,2 milhão.

MAIS PROMESSAS

Atualmente, na mesma região, a ponte da rotatória do bairro Santa Teresinha passa por obras de recuperação da estrutura. A intervenção está sendo realizada na altura do viaduto Presidente Castelo Branco, sentido São Caetano.

Segundo informações da Prefeitura, o trabalho prevê a instalação de 72 estacas de concreto para sustentar a passagem e evitar que a água não infiltre na estrutura.

Outra promessa da Prefeitura para melhorar o transporte público da cidade é o lançamento do aplicativo para monitoramento em tempo real dos ônibus da cidade. A administração municipal informou ao Diário do Transporte que a tecnologia, chamada Santo André Mobi, será disponibilizada até o fim de abril.

Relembre: Santo André terá novo aplicativo para verificar horários de ônibus em abril

“Para a região da Vila Luzita, será um edital para o coletor tronco do Terminal. Neste mesmo edital estão previstas melhorias que a vencedora deverá executar, como a reforma do terminal da Vila Luzita, modernização da frota dos ônibus e abertura de duas novas estações no corredor da avenida Capitão Mário Toledo de Camargo” – informou a Prefeitura, em nota.

“Dentro do pacote de melhorias no transporte público, a Prefeitura contratou empresa para estudo detalhado das linhas e o números de passageiros transportado na chamada pesquisa origem e destino. A assinatura ocorreu em agosto de 2017 e tem vigência de 12 meses. O módulo 01, já em andamento, referente ao sistema tronco-alimentado da Vila Luzita, mostrará um mapa detalhado da demanda e procura para a elaboração de um plano de racionalização do sistema de transporte atual” – finaliza nota.

1 comentário em Obras viárias entregues na região de Utinga, em Santo André, devem reduzir o tempo de viagem de 11 linhas de ônibus, promete gestão

  1. Alvissaras! Diria um velhinho como eu. Até então todas as obras viárias beneficiam o automóvel que é “aporético”: Se todos viajassem de automóvel em uma cidade, a totalidade do espaço teria que ser destinado para circulação viária e a cidade teria que ser construída em outro local!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: