Bombardier vence concorrência pública e vende 40 trens de alta velocidade para a Suécia

Empresa canadense atua nos setores de transporte e aeroespacial

Grupo industrial canadense vai faturar US$ 452 milhões com a encomenda

JESSICA SILVA PARA O DIÁRIO DO TRANSPORTE

O grupo industrial canadense Bombardier venceu uma concorrência pública e vai entregar 40 trens de alta velocidade para a Suécia. Com a encomenda, a empresa vai faturar US$ 452 milhões.

As unidades estão previstas para começarem a ser entregues em 2021. O contrato foi assinado com a Västtrafik AB, a segunda maior empresa de transporte de condado da Suécia, que pertence à região de Västra Götaland.

O documento prevê ainda uma opção para obtenção de mais 60 trens. Contudo, essa quantidade ainda não foi confirmada pela empresa.

A Bombardier atua nos setores aeroespacial e de transportes. Em 2017, a área de transportes da Bombardier presentou 52% do faturamento total do grupo no ano, que foi de US$ 16,2 bilhões.

A empresa também atua em outros países. Relembre: Bombardier e Solaris testam ônibus elétrico com tecnologia por indução

No Brasil, a empresa já se envolveu em controvérsias. Relembre: Governo do Estado entrega Estação Moema e cogita romper contrato com Bombardier por porta-plataforma

Leia também: Bombardier fala em “esforços” para implantar portas-plataformas na linha 5 Lilás. Governo do Estado pode romper contrato com empresa por descumprimento de prazos

1 comentário em Bombardier vence concorrência pública e vende 40 trens de alta velocidade para a Suécia

  1. Parabens aos colaboradores da Bombardier por ter exito nesta concorrência, e espero que em breve consiga introduzir em breve no Brasil trens regionais em longo percurso com “Tecnologia Pendular”, inclusive os “Double Decker” em bitola de 1,60m.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: