Manifestações contra prisão de Lula em sindicato interferem nos transportes em São Bernardo do Campo

Ato está sendo realizado na Rua João Basso, 231, no centro da cidade. Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Usuários relatam maior tempo de espera e menos coletivos em circulação

JESSICA SILVA PARA O DIÁRIO DO TRANSPORTE

As manifestações contra a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva interferem nos transportes públicos de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista. O ato está sendo realizado na Rua João Basso, 231, no centro da cidade.

As mudanças nas linhas dos transportes coletivos foram observadas após às 17h, prazo estipulado para Lula se apresentar voluntariamente à Polícia Federal, em Curitiba.

Os usuários dos trólebus relataram maior tempo de espera nas linhas que atendem o Terminal Ferrazópolis (285 – São Mateus, 286 – Santo André, 288 – Jabaquara e 288PIR – Piraporinha). Em alguns casos, os passageiros ficaram até quase o dobro do tempo no ponto.

Segundo informações não oficiais, a frota teria sido reduzida para evitar atos de vandalismo. Alguns dos veículos que saíram de circulação foram os BRTs de 23 metros, que teriam sido recolhidos na região.

Procurada pelo Diário do Transporte por volta de 18h desta sexta, a Metra informou que não houve alteração na operação dos veículos.

Na SBCTrans, empresa que opera o transporte municipal de São Bernardo do Campo, a frota não foi reduzida, segundo informações da área operacional. Contudo, a partir de 17h começaram a operar ônibus mais antigos e menores no centro da cidade.

Os veículos articulados de 18 metros foram substituídos por ônibus convencionais, de 13 metros. A medida foi tomada pela empresa para evitar prejuízos causados por possíveis atos de vandalismo durante a manifestação, que, até a publicação desta reportagem, ocorre de forma pacífica em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos, nesta sexta-feira.

De acordo com informações da área operacional da SBCTrans, os ônibus que estão circulando nas ruas da região central possuem acessibilidade e são suficientes para atender a demanda do horário.

 

 

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: