Crivella responde a críticas dos empresários de ônibus: ‘preço da tarifa está de acordo com a qualidade do serviço prestado’

Publicado em: 30 de novembro de 2017

Prefeito do Rio ressalta que concessionárias não instalaram ar-condicionado nos ônibus, como estava acordado

ALEXANDRE PELEGI

Utilizando de uma página no Facebook, o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella respondeu em vídeo às reclamações dos empresários de ônibus nesta quinta-feira (30). Apesar de haver informado que se reunirá com as empresas para discutir o assunto, Crivella afirmou que “o preço das passagens está justo” em relação ao serviço prestado pelas linhas da cidade, e lembrou ainda que as concessionárias não instalaram ar-condicionado nos veículos, conforme acordo em contrato com a prefeitura.

Após a divulgação da carta aberta do sindicato das empresas, onde as reclamações dos empresários foi explicitada em tom ríspido pelo presidente do Rio Ônibus, Claudio Callak, o prefeito adiantou, nesta quarta-feira (29), que se encontrará com os representantes das empresas ainda nesta semana. A assessoria da prefeitura, no entanto, não deu detalhes de como seria essa reunião.

Na carta, o presidente do Rio Ônibus diz que uma “insegurança jurídica” vem sendo “patrocinada pelo Poder Público” desde 2013, quando houve o primeiro congelamento das tarifas.

Marcelo Crivella afirmou no vídeo postado hoje:

“Olha, vocês estão vendo também que os ônibus estão reclamando, mas do jeito que está a qualidade dos serviços, o preço da passagem está justo. O ar-condicionado que prometeram não colocaram – afirmou o prefeito, na gravação em que comenta sua agenda para esta quinta-feira. Ele contou que vai visitar obras em Furquim Mendes, na Zona Norte, e uma escola no Complexo de Alemão, em que é utlizado um software israelense para o ensino de matemática”.

Veja o link do vídeo na página do Facebook:

GREVE DE ÔNIBUS SERÁ DECIDIDA EM ASSEMBLEIA ÀS 17 HRS DESTA QUINTA-FEIRA (30)

A decisão sobre se haverá ou não greve de ônibus no Rio de Janeiro será definida hoje (dia 30) no fim da tarde.

O Sintraturb – Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus do Rio marcou assembleia na sede da entidade, para as 17h, em função dos resultados da sessão de conciliação, nesta quarta, no Tribunal Regional do Trabalho (TRT).

RIO ÔNIBUS DIVULGA NOVA NOTA, MAS DESTA VEZ CONTRA GREVE DOS RODOVIÁRIOS:

Enquanto aguarda o encontro com o prefeito Marcelo Crivella, o Rio Ônibus está preocupado com a assembleia de rodoviários marcada para esta quinta-feira (30) à tarde.

Sobre o assunto, o sindicato das empresas divulgou nesta quarta-feira (29) uma nota sobre o assunto. Leia:

O Rio Ônibus aguarda com atenção a assembleia de rodoviários marcada para esta quinta-feira (30), quando o sindicato da categoria (Sintraturb) decidirá se esses trabalhadores entrarão ou não em greve.

Caso a paralisação seja confirmada, o Rio Ônibus antecipa que recorrerá à Justiça para pedir que o movimento seja declarado ilegal.

Uma greve causaria enormes prejuízos aos 4 milhões de passageiros que andam de ônibus todos os dias no município do Rio de Janeiro.

Nesta quarta-feira (29), representantes das empresas e dos rodoviários estiveram reunidos no Tribunal Regional do Trabalho para discutir os atrasos no pagamento de salários e a possibilidade de parcelamento do 13º em algumas empresas.

Relembre a notícia da carta do Rio Ônibus e a resposta da Prefeitura do Rio:

Após carta pública do Rio Ônibus, prefeito do Rio informa que se reunirá com empresas

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transporte

Comentários

  1. William de Jesus disse:

    Boa tarde!

    Olha, podem dizer o que quiserem, mas esse Crivella tem peito hein!

Deixe uma resposta para William de Jesus Cancelar resposta