Cartão Passe Fácil Transcol pode ser recarregado em farmácias da Grande Vitória

Ideia é expandir e diversificar serviço para outros estabelecimentos, como lojas e bancas

ALEXANDRE PELEGI

O Sistema Transcol é o sistema metropolitano de transporte coletivo integrado de estrutura tronco-alimentadora que funciona dentro da Região Metropolitana de Vitória, no estado do Espírito Santo. O sistema, que começou a operar em 1989, transporta atualmente mais de 17 milhões de passageiros/mês nos sete municípios de abrangência.

O sistema de bilhetagem eletrônica do Sistema Transcol lançou recentemente o projeto Passe Fácil Transcol, voltado aos passageiros comuns, aqueles que não são trabalhadores e estudantes. Pelo projeto, os usuários poderão carregar seu cartão Passe Fácil (Cidadão) em farmácias, o que antes só era possível indo até um dos postos dentro dos terminais, na Loja Central ou na Ufes – Universidade Federal do Espírito Santo.

O Sindicato das Empresas de Transporte Metropolitano da Grande Vitória (GVBus) representa 11 empresas operadoras do Sistema Transcol. São elas: Metropolitana, Praia Sol, Vereda, Serramar, Serrana, Expresso Santa Paula, Santa Zita, Nova, Granvitur, Unimar e Satélite.

A iniciativa do GVBus vai tornar os locais de compra em pontos estratégicos nas cidades por onde os ônibus passam, fazendo com que o Passe Fácil Transcol beneficie os mais de 85 mil usuários que utilizam essa forma de pagar a passagem.

Já estão cadastradas 37 farmácias da Rede Farmes, que contam com o sistema funcionando. Em breve as 75 lojas da rede estarão aptas a realizar a venda.

Murilo Soares de Andrade Lara, membro do comitê executivo do GVBus, esclarece:

“Essa modalidade mais dinâmica de compra de passagens veio para facilitar a vida dos passageiros que usam o cartão cidadão, e é uma novidade no sistema de transporte capixaba. Nesse primeiro momento, estamos implantando dentro de farmácias, mas a ideia é expandir o serviço com a adesão de novos parceiros, como lojas e bancas”.

Cidades como Rio de Janeiro, Goiânia e Campo Grande já trabalham dessa forma. Segundo Murilo, o GVBus estudou a experiência dessas cidades para trazer a ideia para o Espírito Santo.

“O resultado obtido por nossos vizinhos tem sido muito positivo. O que nos encorajou a investir em um sistema moderno e rápido, que irá facilitar a vida dos passageiros e tornar o uso do transporte público mais dinâmico. Até agora já investimos R$ 330 mil reais no projeto. E com a adesão de novos parceiros, a expectativa e aumentar esse valor, e movimentar a economia da região metropolitana”, pondera. Murilo lembra ainda que essa é mais uma vantagem para o usuário do Transcol, único sistema metropolitano do país em que é possível percorrer até 100 km pagando apenas uma tarifa.

CARGA E RECARGA

A máquina de carga é semelhante às usadas pelos cartões de crédito e a transação é feita em menos de um minuto. O usuário apresentará o cartão e colocará a recarga pagando em dinheiro.

Além de recarregar, também será possível emitir o cartão Cidadão. É rápido e sai na hora.

A carga mínima para um novo cartão é de 10 tarifas vigentes, o que corresponde hoje a R$ 32,00, e a máxima, de R$ 650.

O cartão Cidadão pode ser adquirido por qualquer passageiro para dispensar o pagamento em dinheiro nos ônibus e dá o direito à tarifa reduzida aos domingos. Além de prático, ele facilita o troco e traz mais segurança.

Os cartões são magnéticos e possuem um chip de memória que armazena os créditos equivalentes ao valor que o usuário inseriu. Conforme ele passa nas catracas, os créditos são debitados.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transporte

1 comentário em Cartão Passe Fácil Transcol pode ser recarregado em farmácias da Grande Vitória

  1. Amigos, bom dia.

    Parabéns!

    Praticidade é disto que o passageiro e o Barsil precisam.

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: