Estações Luz e República ficam fechadas neste domingo na linha 4 Amarela

CPTM também terá alterações operacionais. Monotrilho não funciona domingo até às 16h

ADAMO BAZANI

Por causa da continuidade das obras das futuras estações Oscar Freire e Higienópolis-Mackenzie, a linha 4 – Amarela (Butantã–Luz), que é operada pela Concessionária Via Quatro, vai ter operação diferenciada neste domingo, 13 de agosto.

Não operam as estações República e Luz, no trecho entre as estações Butantã e Paulista, a circulação dos trens da Linha 4 ocorrerá normalmente.

Em nota, o Metrô explica como o passageiro deve fazer:

Os usuários que entrarem nas estações Butantã, Pinheiros, Faria Lima e Fradique Coutinho com destino às estações República e Luz devem desembarcar na estação Paulista e seguir viagem usando a integração com a Linha 2-Verde (Vila Prudente-Vila Madalena) para, pelo próprio sistema, seguir até o destino, já que as estações República (Linha 3-Vermelha) e Luz (Linha 1-Azul) do Metrô funcionarão normalmente. 

Os passageiros em sentido contrário, com destino à Linha 4-Amarela, que estiverem tanto na estação Luz, na Linha 1-Azul, quanto em República, na Linha 3-Vermelha, devem seguir até a estação Consolação usando as linhas disponíveis e fazer a transferência para a estação Paulista, da Linha 4, e seguir viagem pela Linha Amarela.

MONOTRILHO:

Já as duas únicas estações do sistema de monotrilho, Oratório e Vila Pudente, da linha 15-Prata, não funcionam neste domingo até às 16h, para continuidade dos testes programados do novo sistema de controle dos trens. De acordo com a Companhia do Metropolitano, nesse período, os usuários serão atendidos gratuitamente por ônibus do sistema PAESE (Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência), que circularão no trecho entre as duas estações até o início da operação

CPTM:

Também por causa de obras e modernização,  haverá alterações nos serviços de trens da CPTM entre a noite do sábado durante todo o domingo. Confira a programação enviada pela companhia ao Diário do Transporte

Linha 8-Diamante (Júlio Prestes – Itapevi)

 

Sábado: das 20h até o fim da operação comercial, haverá intervenções nos equipamentos de via permanente entre as estações Carapicuíba e Santa Terezinha. O intervalo médio dos trens será de 20 minutos entre as estações Júlio Prestes e Itapevi.

 

Domingo: das 4h à meia-noite, os serviços estarão concentrados no sistema de rede aérea entre as estações Santa Terezinha e Jardim Belval. Das 4h às 19h, também haverá obras de modernização das Estações Jardim Belval e Jardim Silveira. O intervalo médio dos trens será de 20 minutos entre as estações Júlio Prestes e Itapevi.

 

 

Linha 9-Esmeralda (Grajaú – Osasco)

 

Domingo: das 8h às 22h, os trabalhos serão executados nos equipamentos de via permanente nas proximidades da Estação Santo Amaro. O intervalo médio dos trens será de 15 minutos em toda a linha.

 

 

Linha 10-Turquesa (Brás – Rio Grande da Serra)

 

Domingo: das 7h às 17h, ocorrerão intervenções nos equipamentos de via permanente nas imediações da Estação Rio Grande da Serra. O intervalo médio dos trens será de 20 minutos entre as estações Mauá e Rio Grande da Serra.

 

 

Extensão Linha 11-Coral (Guaianases-Estudantes)

 

Sábado: das 20h até o fim da operação comercial, os serviços serão realizados nos equipamentos de via permanente entre as estações Poá e Calmon Viana. O intervalo médio dos trens será de 22 minutos entre as estações Guaianases e Estudantes.

 

Linha 12-Safira (Brás – Calmon Viana)

 

Domingo: das 4h à meia-noite, as atividades estarão concentradas nos equipamentos de via permanente entre as estações Engenheiro Goulart e Comendador Ermelino. Também serão realizadas obras de implantação da Linha 13-Jade. O intervalo médio dos trens será de 25 minutos em toda a linha.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

1 comentário em Estações Luz e República ficam fechadas neste domingo na linha 4 Amarela

  1. Amigos, boa noite.

    Belo presente que deram a todos os pais de Sampa.

    Podia ter deixado para domingo que vem né.

    O falta de sensibilidade.

    Trabalhem na madrugada caramba.

    Depois querem que usemos o transporte público.

    Cabeça serve para pensar e não só para pentear cabelos.

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: