Em 15 dias, empresas de ônibus de Manaus são multadas em R$ 1 mil por motoristas não pararem no ponto

Seis linhas reúnem as maiores o maior número de queixas

ADAMO BAZANI

Em apenas duas semanas, as empresas de ônibus de Manaus, no Amazonas, receberam quase R$ 1 mil em multas pelo fato de os motoristas de ônibus não pararem nos pontos após o sinal dos passageiros.

As multas foram aplicadas após apuração por meio da Superintendência Municipal de Transportes Urbanos – SMTU a reclamações formalizadas pelo telefone.

Os registros ocorreram entre os dias 10 e 25 de maio e as informações passadas pelos passageiros foram cruzadas com os dados gerados pelo GPS dos ônibus.

Esses dados ficam guardados no sistema de bilhetagem eletrônica.

A maior parte das reclamações se refere às linhas 122, 677, 457, 500, 635 e 621.

O passageiro deve informar data, horário e local do fato, a linha, o número do ônibus e o sentido de circulação do veículo.

O  telefone para denúncia é 118.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: