Detran de Alagoas lança campanha Maio Amarelo diante de 688 mortes em 2016

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Número de acidentes de trânsito em Alagoas representou custo de R$ 376 milhões aos cofres públicos

ALEXANDRE PELEGI

Os números de acidentes no estado de Alagoas continuam elevados. É o que apontam as estatísticas do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), que revelam que apenas em 2016 mais de 22 mil pessoas foram vitimadas no trânsito no Estado.

Como consequência da violência no trânsito, 688 pessoas morreram no estado, sendo que quase 40% envolvendo usuários (condutores ou passageiros) de motocicletas. Os acidentes de trânsito em Alagoas representaram um custo de R$ 376 milhões aos cofres públicos em 2016.

O Detran-AL lançou ontem oficialmente a campanha Maio Amarelo em Alagoas. Durante a cerimônia da campanha, o diretor-presidente do órgão, Antônio Carlos Gouveia, afirmou que “o Detran quer que as pessoas se conscientizem, porque não adianta ter uma faixa de pedestres e as pessoas atravessarem fora dela, ou o condutor do veículo não respeitá-la. Por isso a importância da conscientização”.

 Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes