Linhas 5 e 17 serão concedidas por 20 anos

Valor mínimo do lance será de R$ 189,6 milhões

ADAMO BAZANI

Conforme adiantou ontem o Diário do Transporte, o Governo do Estado de São Paulo lançou nesta quinta-feira, 30 de março de 2017, o edital de licitação para concessão da linha 17 Ouro do Monotrilho, da zona Sul, e 5 Lilás do Metrô.

“O leilão será 4 de julho na Bovespa. O lance mínimo é R$ 189,6 milhões e nós esperamos dentro do prazo da concessão 3 bilhões de investimentos e reinvestimentos”, explicou o governador Geraldo Alckmin, em nota emitida pelo Palácio dos Bandeirantes

O investidor privado, no entanto, vai investir em melhorias R$ 88 milhões.

Em nota, o metrô explica que ” O valor estimadodo contrato é de R$ 10,8 bilhões, que corresponde à
soma das receitas tarifárias de remuneração e de receitas não
operacionais, como exploração comercial de espaços livres nas
estações, por exemplo. O investimentoprevisto do parceiro privado é de R$ 88 milhões, que
serão aplicados emmelhorias e infraestrutura das linhas, visando
atender aos indicadores dedesempenho exigidos do concessionário para
oferecer serviços de qualidade àpopulação paulista. O valor de
outorga mínimo é de R$ 189,6 milhões”.

A linha 5 Lilás que parte de Capão Redondo, no extremo sul de São Paulo está em expansão até a Chácara Klabin e o monotrilho que deveria estar funcionando em 2014 ainda está em construção

Ádamo Bazani, jornalista especializado em transportes

2 comentários em Linhas 5 e 17 serão concedidas por 20 anos

  1. Amigos, boa noite.

    Masi uma questão NATIMORTA.

    A conta não fecha antes mesmo de se bater o martelo; vejamos

    Sei que está incompleto, mas o Estado tem de dar a informação completa desde o incício, pois não se consegue fazer a prova dos 9.

    Pelo que está escrito eu entendi:

    O vencedor do leilão pagará ao estado: 189,6 + 88 milhões.

    A receita “estimada”, será de 10,8 bilões de Reais em 20 anos.

    Serão investidos 3 bilhões, suponho em 20 anos, mas por qual parte.

    Se nao fizerem uma tabela de Excell mais clara, não há como saber qual será o custo, o lucro e o prejuízo.

    Até agora só sabemos quem pagará o prejuízo: O PASSAGEIRO CONTRIBUINTE.

    Melhor refazer estas continhas e planilha-las colocando-as no Edital do Leilão, porque depois que baterem oo martelo, esquece a M já estará feita e mais um prejuízo teremos de pagar.

    Reflitam e pesem as suas conciências.

    Essa continha e essa prova dos 9 nem a Tia Cotinha tem elementos para calcular.

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: