Goiânia discute reajuste do transporte coletivo; tarifa de ônibus pode chegar a R$ 4

Prefeito Iris Rezende lembra que reajuste tarifário está previsto em contrato de concessão, mas exige que empresas renovem a frota

ALEXANDRE PELEGI

O Conselho Regulador da Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (AGR) aprovou de maneira unânime o relatório que define um novo valor para a tarifa do transporte coletivo na cidade. Calculado para a vigência em 2017 o valor estimado é de 4 reais. Hoje a tarifa está em R$ 3,70, sendo que o último aumento ocorreu em fevereiro do ano passado, quando passou de R$ 3,30 para R$ 3,70.

Os conselheiros, ao aprovarem o relatório, frisaram que o cálculo do novo valor da tarifa foi produzido pela Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC), cabendo a aprovação final do aumento à Câmara Deliberativa de Transportes Coletivos (CDTC).

O mais provável, segundo reportagem do jornal O Popular, de Goiânia, é que o novo valor passe a valer no dia 1º de abril.

Ontem o prefeito Iris Rezende (PMDB) fez questão de lembrar que o reajuste tarifário está previsto em contrato de concessão. Iris, por meio da CMTC, enfrenta uma quebra de braço com as empresas: exige a compra de novos ônibus para operar na metrópole, mas os empresários alegam ter dificuldades financeiras para conseguir créditos. A solução seria conceder o reajuste na tarifa e, em troca, oferecer condições para que as empresas busquem crédito para comprar novos ônibus.

Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes

2 comentários em Goiânia discute reajuste do transporte coletivo; tarifa de ônibus pode chegar a R$ 4

  1. Os ônibus de Goiânia são uma vergonha a partir dos bancos desconfortáveis, e até os ônibus mais novos (ApacheVIP 2016) são bancos de plástico puro/duro, se comparado um de SP e um mesmo modelo de Goiânia, verificará que os bancos são diferentes, sendo o de SP com (pelo menos) uma camada de espuma/estofamento na parte de baixo e das costas, já o de Goiânia é apenas plástico duro.

    Os ônibus mais velhos então, são uma tristeza, parece que se está andando num carro de boi de tão dura que é a suspensão, ônibus sujo, barulhento, etc.

    Aliás, uma cidade que praticamente TODOS OS DIAS chega a 30º no período da tarde deveria obrigar as empresas a comprar veículos novos já com ar condicionado.

    • O.Juliano, boa noite.

      Banco duro nao e privilegio so seu aqui em Sampa tambem sao e olha que aqui tem uma buraqueira, depressoes e ondulacoes danada, em Goiania o asfalto e melhor.

      Adoro calor, mas Goiania e um forno abafado isso e.

      Quanto a tarifa, e compativel com Goiania, pois ai tudo e mais caro, achei o custo de v7da ai bem caro, quado estive por ai a passeio.

      Mas adoro o Estado d3 Goias, e o futuro do Bradil, alias Juscelino ja sabia disso.

      Eeeeeeeee Goianiaaaaaaaa.

      Abcs,

      Paulo Gil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: