São Paulo terá fiscais ocultos dentro dos ônibus

Informação é do secretário de Transportes e Mobilidade, Sérgio Avelleda a programa de rádio. Prefeitura vai aumentar rigor na fiscalização sobre conduta de motoristas

ADAMO BAZANI

Os ônibus de São Paulo terão fiscais disfarçados de passageiros para verificar cumprimento de rotas e horários e também a maneira como os motoristas e cobradores se portam.

A informação é do Secretário de Transportes e Mobilidade da capital paulista, Sérgio Avelleda, em entrevista José Luiz Datena, na Rádio Bandeirantes, na manhã desta quinta-feira, 23 de março de 2017.

Avelleda afirmou que melhorias substanciais no sistema de transportes da capital paulista serão possíveis após o edital de licitação ser lançado e o processo concluído. O secretário manteve a previsão de lançar o certame até o final de maio e implantar um novo sistema no segundo semestre.

Avelleda prometeu intensificar o rigor na fiscalização ao comportamento dos motoristas na condução dos veículos.

Dados da própria SPTrans, publicados pelo Diário do Transporte, mostram que a conduta dos profissionais é o maior item de reclamação por parte dos passageiros, com quase 50% das queixas. Relembre: https://diariodotransporte.com.br/2017/03/20/comportamento-dos-motoristas-de-onibus-em-sao-paulo-e-o-principal-motivo-de-reclamacoes-diz-sptrans/

Na noite desta terça-feira, um grave acidente envolvendo dois ônibus matou um homem de 68 anos e deixou 14 pessoas feridas na Rua Faustolo, próximo à Rua Aurélia, na região da Lapa zona oeste de São Paulo.

De acordo com informações de testemunhas, um dos coletivos envolvidos no acidente estava em alta velocidade passou farol vermelho.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

14 comentários em São Paulo terá fiscais ocultos dentro dos ônibus

  1. Andre Vieira becker // 23 de março de 2017 às 16:13 // Responder

    Enquanto as punições de motoristas vocês vão acatar as mentiras de passageiros eu sou motorista uma passageira cuspiu em minha cara tenho que ficar quero com isso e qual seria as punições desses tipo de passageiro todos querem só punir funcionários todos sabem do seus direito mas não sabe do seus deveres esse lixo do datena do sabe criticar

  2. Ué, salário de cobrador tá custando muito para o Estado, os fiscais vão trabalhar de graça? Melhor fiscalização é o usuário. Eles já o fazem pelo 156 e quando não tem o que reclamar ainda inventam. Senhor prefeito acorda, e para de nos tratar como idiotas, trabalhadores de transporte precisam ser valorizados para dar um bom tratamento aos usuários, e os clientes geralmente recebem a educação que dão, toda moeda é dotada de dois lados. Não sejamos ingênuos

    • Sandrinha, bom dia.

      Gostei do seu comentario, bem equilibrado e por meio dele vou complementar com a minha posicao de passageiro.

      Ja fui passageiro diario e hoje sou eventual.

      A moeda tem 3 lados, cara, coroa e borda.

      Esta faltando analisar a borda e acertas os problemas.

      Eu particularmente, nunca tive grandes problemas com pilotos e cobradores, s3mpre fui bem tratado, apesar de haver alguns pilotos que precisam de ferias.

      Mas tambem sabemos que as vias estao pessimas e isso realmente inferniza a vida de qualquer motorista, principalmente do buzao.

      Todo trabalhador e fiscalizado no seu dia a dia do trabalho, nao e so a sua categoria e voce quando sai do seu trabalho, como cidada e cliente tambem avalia os demais profissionais e servicos.

      Conc8rdo com voce, quando diz q6e os passageiros sao fiscais, mas infelizmente o 156 nao resolve nada.

      Essa mentalidade de punir e multar, nao resolve mais nada na era do zap zap, a exemplo de um colega seu que comentou aqui no Diario que pela quebra do seu caixa em R$ 1,00, ele foi chamado na disciplina.

      Noooosa em 2017 uma empresa ainda tem um departamento chamado disviplina, so faltou ajoe
      Har no milho.

      Entao e isso precisam ser modernizadas as relacoes entre todos, empresa, colaboradores e passageiros.

      Depois tem de eliminar a fiscalizadora e contratar uma gerenciafora que gerencie e faca gestao do sistema.

      Lembrando e deixando registrado aqui no Diario, qie a nova licitacao NAO SERVIRA PRA NADA, se ainda contonuar essa mentalidade jurasdoca.

      Eu desiste de reclamar no 156, a minha maior reclamacao do buzao e a sujeira interna, mas nao papel d3 bala e sim de falta de agua e sabao mesmo, sujeira esta que considero um desrespeito a todos e principalmente aos cobradores e pilotos que passam o dia inteiro dentro do buzao.

      Mas sou otimista, o Diario e uma das bordas da moeda que permite esta troca de ideias entre passageiros, pilotos, cpbradores e apaixonados pelo buzao e isto e legal e promovera as melhoras para todos.

      Pena que demais partes sao sirdas, mudas e nem escrever escrevem.

      Parabens pelo seu comentario.

      Att,

      Paulo Gil

  3. Enquanto as empresas estiverem nas mãos do sindicato jamais haverá mudanças . Os operadores aprontando e as empresas arcando com as multas do RESAM. Sem punição não existe avanço a SPTRANS deveria fazer um levantamento dos cadastros e bloquear os operadores com muitas reclamações desta forma. O sindicato não poderia intervir pois não tem acesso mas nas empresas eles mandam​. Não

  4. Enquanto as empresas estiverem nas mãos do sindicato jamais haverá mudanças . Os operadores aprontando e as empresas arcando com as multas do RESAM. Sem punição não existe avanço a SPTRANS deveria fazer um levantamento dos cadastros e bloquear os operadores com muitas reclamações desta forma. O sindicato não poderia intervir pois não tem acesso mas nas empresas eles mandam​.

  5. Sr Secretário ….a fiscalização no sistema deve começar dentro das empresas e patrões…..inclusive agentes da própria SP Trans que são vinculados com a Prefeitura…..e culpados das falhas existentes no sistema que funcionam entre sí um verdadeiro Cartel…..o qual é sustentado por propinas ….
    Não adianta querer passar mel na boca do usuário para maquiar a podridão e deficiência no sistema ….pois os próprios usuários estão cientes da realidade……os quais depoem em nosso favor…
    Sempre procuramos atende los com presteza e respeito
    além de muitos que se utilizam do sistema ….não nos tratam com reciprocidade no dia a dia.
    Cada um pulsa pelo seu próprio interesse.
    Agora ….pois
    vem o Sr secretário dizer que o coletivos terão fuscais disfarçados porque .o que ocorre no sistema é fruto da incompetencia de vossa Sras.

  6. Sabe o que precisa Sr secretário ….
    É da Polícia Federal atuar dentro da Empresas de transporte coletivo , bem como na própria SPTrans e Prefeitura…..e mostrar para a população a verdadeira máquina de Suborno e Geração de propina que rola entre , empresa …prefeitura …SPtrans…..e seu agentes.
    Deve se fazer uma CPI e quero ver se o Sr . vai dar as caras e satisfação ao povo.
    O Sr quer mostrar serviço…???
    Que tal começando pela vetdade e honestidade.
    Eu vou ser o primeiro fiscal a denuncia los para a Mídia e vou levar provas e fotos de como as coisas acontecem de verdade …
    Não tenho medo da Verdade….e o Sr…. ?? O que me diz ?? Vamos em frente que tem muito podre pra ser mostrado.

  7. Quero ver é melhorarem as condições de trabalho para os motoristas e cobradores, já que trabalhamos no limite.Ruas esburacadas, passageiros mentindo nas reclamações(punição sem verificar a veracidade da reclamação) entre outras…Péssimo!

  8. Amigos, boa noite.

    Inacreditavel, essa e melhor e mais antiga que a do papagaio.

    Isto e a sindrome da fiscaluzadora.

    Conforme materia publicada aqui no Diario, o buzao de Sampa em 2016, transportpu quase 3 bilhies de pessoas.

    Portanto o sistema ja tem um efetivo de quase tres bilhos de fiscais e todos apontam sempre os mesmos 9roblemas.

    Pra que serve o GPS do sistema ????

    E as cameras internas ???

    Helowwwwwww, estamos em 2017 e nao em 1917.

    Eu desisto.

    Depois dessa so fechando a fiscalizadora.

    O Brasil faliu.

    Att,

    Paulo Gil

  9. Vc críticos não sabe nem 1 / 4 doque nós motorista e cobradores passa e muitas vezes esses motorista e cobradores que vcs dizem agir com ignorância é por causa de vcs passageiros críticos que só entra no coletivo justamente pra caçar assunto
    Então tá na hora de todos abrir mais um pouco a mente e percebe que isso é mais uma massa de manobra do governo dizem que é pra diminuir gastos imagine quantos país de família na rua sem emprego então é melhor rever os valores e briga por uma coisa maior pelos nossos direitos e deveres

  10. Otimo os espões vão verificar realmente se os motoristas são estes pobres coitados, vitimas que aqui relatam, coitadinhos, pego ônibus e vejo que eles vivem falando de chapa 1, chapa 2, sindicato daqui sindicato dali, na sua maioria despreparados para o convivio social, eles gostam e de mini saia, ai eles atendem o pedido de embarque até fora do ponto.

  11. CARLOS EDERSON DE SOUZA CUSTODIO // 24 de março de 2017 às 19:53 // Responder

    E uma coisa que eu acho errado por parte da empresa cobrar do cobrador caso o mesmo não observe no relatório que o usuário passou o bilhete três ou mais passagen no mesmo coletivo. Eles alegam que a sptrans não repassa o valor excedente de passagens utilizadas e um único cartão isso eu acho que é mentira. E outra coisa que eu também acho um absurdo é a empresa cobre do operador caso a catraca gire duas vezes por problemas mecânicos.

  12. Valdecio Quirino Maia // 25 de março de 2017 às 21:19 // Responder

    Boa noite para todos,em vez desse secretário colocar fiscais secreto dentro dos coletivos para fiscalizar a conduta dos operadores, não seria mais viável eles colocarem fiscais para fiscalizarem essas ex cooperativa que agora são empresas ( é só empresa de faixadas ) e fiscalizar se estão pagando direitinho,se o salário é igual para todos,se os artigos dá CLT estão sendo compridos e muitas coisas irregularidades mais,ACORDA SECRETÁRIO.

  13. Acho difícil isso ter nas periferias viu.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: