Câmara de Curitiba aprova multa de R$ 185 para quem “furar catraca de ônibus”

Ônibus em Curitiba. “Fura-catraca” dá prejuízo anual de R$ 4,5 milhões ao sistema de transportes, dizem empresas

Em casos de reincidência, valor poderá ser de R$ 370

ADAMO BAZANI

Depois de três tentativas sem sucesso, com sessões adiadas, os vereadores da Câmara Municipal de Curitiba, no Paraná, aprovaram na manhã desta segunda-feira, 16 de maio de 2016, em primeira votação, o projeto de lei que determina multa de R$ 185 para quem for flagrado “furando catraca”, ou seja, para aqueles que pulam as roletas ou invadem o sistema de transportes sem pagar tarifa não tendo direito à gratuidade.

A proposta foi aprovada por 27 votos. O único voto contrário foi da vereadora professora Josete, do PT.

O valor da multa corresponde a 50 passagens, cujo valor unitário atualmente é de R$ 3,70. Em caso de reincidência, o valor, da multa, de acordo com a tarifa atual, será de R$ 370

A fiscalização deve ser feita pela gerenciadora de transportes Urbs- Urbanização de Curitiba S.A., com apoio da GCM – Guarda Civil Municipal e da Polícia Militar.

De acordo com as empresas de ônibus, a atuação dos “fura catracas” aumentou 18% no mês de março e causa prejuízos de R$ 4,5 milhões ao sistema de transportes.

O projeto ainda precisa passar por outra votação e depois seguir para sanção do executivo municipal.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

1 comentário em Câmara de Curitiba aprova multa de R$ 185 para quem “furar catraca de ônibus”

  1. kkkkkkkkkk dufido que isso pega o brasil todo furar catraca ae pulam pra não pagar passagenm vcs achar que vai pagar uma muta de 182 e uma piada

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: