Emplacamentos de ônibus sobem em março, mas acumulam queda de 47% no trimestre

Mercado de ônibus ainda registra crise

De acordo com a Fenabrave, foram emplacados neste ano 3345 ônibus antes 6392 no primeiro trimestre de 2015

ADAMO BAZANI

A economia brasileira ainda não apresenta sinais de recuperação efetiva, o que é refletido nas vendas de ônibus e caminhões.

Dados da Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores divulgados nesta sexta-feira, 1º de abril de 2016, revelam que neste primeiro trimestre, as vendas de ônibus e caminhões, considerados bens de capital, portanto revelando a disposição dos outros setores para investir, registraram queda de 36,55% em relação ao mesmo período do ano passado.

Ainda de acordo com o levantamento, foram comercializados nos três primeiros meses deste ano 16 mil 334 veículos de grande porte. De janeiro a março do ano passado, foram 25 mil 743.

O segmento de ônibus foi o que mais registrou perdas acumuladas neste trimestre atingindo queda de 47,67%

De janeiro a março de 2015, foram emplacados 6 mil 392 ônibus. Neste período de 2016, o acumulado revela 3 mil 345 emplacamentos de veículos de transporte coletivo, entre rodoviários e urbanos.

De fevereiro a março, o mercado de ônibus registou alta de 34,42%, o que não pode representar otimismo, já que habitualmente o mês de fevereiro é mais fraco e a queda acumulada é expressiva.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes.

1 comentário em Emplacamentos de ônibus sobem em março, mas acumulam queda de 47% no trimestre

  1. Olha a Iveco subindo ai!

1 Trackback / Pingback

  1. Emplacamentos de ônibus sobem em março, mas acumulam queda de 47% no trimestre | Campione

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: