Confira os novos valores das tarifas de ônibus na região metropolitana de Curitiba a partir desta segunda-feira

Ônibus na região metropolitana de Curitiba. Valores variam de acordo com trajetos.

Reajuste será tanto para linhas Integradas como as não Integradas dos municípios vizinhos da capital paranaense

ADAMO BAZANI

A partir desta segunda-feira, 1º de fevereiro de 2016, também haverá aumento no valor das passagens de ônibus da região metropolitana de Curitiba. Na capital paranaense, a tarifa vai de R$ 3,30 para R$ 3,70.

Nas cidades da região metropolitana, os valores variam de acordo com os trajetos e estão divididos em degraus tarifários. Também na região metropolitana de Curitiba a tarifa domingueira será R$ 2,50, a exemplo da capital.

A Comec – Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba informou que para evitar aumentos maiores e garantir integrações gratuitas vai manter subsídios às empresas de ônibus e a tarifa-técnica no valor de R$ 4,98. Tarifa-técnica é o valor de remuneração às empresas de ônibus por passageiro transportado.

A integração entre ônibus municipais de Curitiba e os metropolitanos continua.

No caso de o passageiro usar os dois tipos de linhas para fazer um trajeto, o esquema tarifário é o seguinte: das cidades da Região Metropolitana para Curitiba, com viagem continuando num ônibus municipal, a cobrança será pela tarifa metropolitana. Já de Curitiba para estas cidades, com o uso primeiro de um ônibus municipal e depois de um metropolitano, será cobrado o valor da capital paranaense, que será R$ 3,70.

Os degraus tarifários são os seguintes:

– 1º degrau: R$ 3,70 – vale para linhas que vão para Curitiba a partir de Campo Magro, Campo Largo, Araucária e Pinhais.
– 2º degrau: R$ 3,80 – vale para linhas que vão para Curitiba a partir de São José dos Pinhais, Almirante Tamandaré e Colombo.
– 3º degrau: R$ 3,90 – vale para linhas que vão para Curitiba a partir de Piraquara e Fazenda Rio Grande.
– 4º degrau: R$ 4,70 – vale para linhas que vão para Curitiba a partir de Bocaiuva do Sul, Contenda, Itaperuçu e Rio Branco do Sul.

As tarifas não integradas também terão reajuste e variam de R$ 3,90 a R$ 13. Confira neste link os valores:

TARIFAS METROPOLITANAS – CLIQUE DUAS VEZES

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: