Oito ônibus municipais foram depredados em protesto liderado pelo MPL em São Paulo

Publicado em: 9 de janeiro de 2016

onibus

Manifestante em ato do MPL depreda ônibus pichado com extintor de incêndio. Foto: Gabriela Biló/Estadão Conteúdo

Manifestação terminou em confusão na região central de São Paulo. Carros da CET, da SPTrans da Polícia Militar e agências bancárias também sofreram danos

ADAMO BAZANI

A Secretaria Municipal de Transportes de São Paulo informou que pelo menos oito ônibus do sistema da Capital Paulista foram depredados no protesto que ocorreu entre a tarde e a noite desta sexta feira dia, 8 de janeiro de 2016, contra o reajuste das tarifas de ônibus, metrô e trens que entrou em vigor neste sábado.

A maioria dos veículos teve vidros quebrados, bancos e portas destruídos e, em um deles, os manifestantes jogaram objetos em chamas para provocar incêndio, mas o fogo não se alastrou.

O protesto foi liderado pelo MPL – Movimento Passe Livre e começou de forma pacífica, mas jovens usando máscaras começaram a provocar a Polícia Militar e a praticar atos de vandalismo.

Houve confronto com os policiais que lançaram bombas de efeito moral.

Manifestantes queimaram lixo e atacaram bens públicos e privados.

De acordo com Secretaria de Segurança Pública, 17 pessoas foram detidas e três policiais militares foram feridos a pedradas.

Além dos oito ônibus, um carro da CET – Companhia de Engenharia de Tráfego, um veículo da SPTrans – São Paulo Transporte e duas viaturas da Polícia Militar foram danificados.

Também foram depredadas três agências bancárias que tiveram os vidros quebrados.

Responsável pelo protesto, o MPL informou que compareceram 30 mil manifestantes. A PM diz que foram 3 mil pessoas.

No Rio de Janeiro, onde também houve aumento de tarifa de ônibus, manifestantes realizaram protestos que também terminaram em violência e confronto com a Polícia Militar.

Os custos de depredações, riscos de operação e avarias também compõem as tarifas.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Emílio Santos disse:

    Manifestantes ? Bandidos ainda é pouco pra esses Baderneiros que a Justiça Não Prende, Conversa com o Delegado e Sai de Boa pra Aprontar Mais uma. Alías, até Rojões foram Usados pelos bandidos, que é uma Arma Letal e por isso é uma Tentativa de Homicídio, um Cinegrafista Foi Morto por um Rojão à alguns anos pra Relembrar. Todos esses Bandidos Sempre Fazendo o Mesmo Esquema de 2013, com um dedo de algum Partido Político no Meio. CADÊ A JUSTIÇA PRA ACABAR COM OS BLACK BOSTAS ???

    1. Emílio Santos disse:

      Trombadinhas é Muito pouco, Meu Caro, Rodrigo Santos, São Bandidos Marmanjos com Barba na Cara e Pêlo no Nariz, pra Não Dizer Outra coisa. A Polícia Militar Senta Borracha, Prende e Depois Solta ? Assim não dá, marco véio !!!

  2. J disse:

    MANIFESTANTES ?? KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK “TÁ SERTÚ!!” KKKKKKK
    VAGABUNDOS! AMIGOS DO PT ISSO SIM ! TUDO TEATRINHO!

    1. Emílio Santos disse:

      Pois é, J, Sempre Tem uma Organização Criminosa (PT) comandando toda essa baterna. BORRACHA NELES !!!

  3. Pedro disse:

    NA APROXIMA MANIFESTAÇÃO VAMOS PROTESTAR TODOS COM LENCINHOS BRANCOS ABANANDO OS AO VENTO, NÃO TEM MOCINHO NESTE FILME DE TERROR, NOSSO TRANSPORTE PUBLICO NÃO TEM NINGUEM QUE ESCAPE E SO TRATADO, O QUE ESTAMOS VENDO E RESULTADO DA MAIS PROFUNDA, DESESPERANÇA DA POPULAÇÃO, E DESCASO DOS GOVERNANTES, CADE A LICITAÇÃO, PAROU PORQUE?, O QUE VOLTOU A RODAR DE ÔNIBUS VELHOS EM SP E BRINCADEIRA, TUDO PELO LUCRO, E O NOSSO PREFEITO VIVENDO NO MUNDO DAS BICICLETAS.

Deixe uma resposta