Atendimentos para gratuidades em transportes interestaduais aumentam 15%

Ônibus rodoviário. Atendimentos do passe livre crescem com mais viagens gratuitas.

De acordo com o governo federal crescimento da procura pelo programa Passe Livre se deu pela possibilidade da emissão de benefício para acompanhantes

ADAMO BAZANI

Mais pessoas têm viajado gratuitamente no Brasil pelas linhas interestaduais, por meio do Programa Passe Livre.

De acordo com o balanço do Ministério dos Transportes, o número de atendimentos do programa Passe Livre aumentou em 15% neste ano.

O cálculo leva em conta que de janeiro a outubro do ano passado, o programa analisou 85.914 processos.  No mesmo período deste ano, 98.877 processos foram analisados.

O programa Passe Livre, do governo federal permite viagens de graça entre os estados para pessoas com deficiência e que possuem renda de até um salário-mínimo por mês, no transporte rodoviário, ferroviário e aquaviário.

Uma das novidades é a extensão da gratuidade para acompanhantes de beneficiários. Neste caso, o Passe Livre atingiu uma marca de 12 mil solicitações em 2015, o que corresponde a quase 10% de todos os processos analisados neste ano.

O acompanhante também deve ter baixa renda mensal para ter acesso ao Passe Livre.

Por causa da alta procura, o governo federal diz que ampliou a estrutura da central de atendimento do Ministério dos Transportes.

Por dia, são realizados na sede do programa cerca de 550 atendimentos, dos quais 90% são solicitações de todo Brasil por meio dos Correios e as demais recebidas pessoalmente.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: