CPTM diz que recursos para 2016 serão semelhantes a 2015

Trem da CPTM. Gestão Alckmin diz que investimentos terão redução de 1% e não de 45% e reclama que Governo Federal não liberou recursos do PAC para as linha 9 Esmeralda e 13 Jade.

Companhia diz que corte não será de 45% e que aguarda recursos do PAC que não foram liberados

ADAMO BAZANI

A CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos contestou a informação divulgada por deputados estaduais de que os investimentos na rede de trens para 2016 previstos na proposta de orçamento enviado à Assembleia Legislativa pelo governador Geraldo Alckmin serão em torno de 45% menores que a previsão deste ano. Segundo a informação inicial, a redução seria de cerca de R$ 350 milhões.

A companhia estatal, no entanto, diz que este dado não contempla os investimentos para a linha 13 Jade e a ampliação da Linha 9 Esmeralda.

Segundo a CPTM, os investimentos propostos para 2016 são de R$ 2 bilhões 597 milhões enquanto que em 2015 foram de R$ 2 bilhões 611 milhões, uma redução de 1%.

Na nota, a empresa diz que para a linha 13 Jade, que está projetada para ligar a cidade de São Paulo à região do Aeroporto Internacional em Guarulhos, o Governo Federal ainda não liberou R$ 250 milhões do PAC da Mobilidade. O mesmo, ainda segundo a CPTM, teria ocorrido com a extensão da linha 9 Esmeralda, para a qual estão previstos R$ 500 milhões do PAC

Confira a nota completa da companhia enviada ao Blog Ponto de Ônibus:

A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) esclarece que o orçamento previsto para 2016 não caiu 40%, uma vez que a reportagem não está contabilizando o investimento na implantação da nova Linha 13-Jade, a ampliação da Linha 9-Esmeralda, entre Grajaú e Varginha, e aquisição de novos trens. Portanto, a ordem de grandeza dos investimentos previstos para 2015 é semelhante aos recursos estimados para 2016, com aumento de repasses do Estado e na operação de crédito.

 

A LOA 2016 prevê investimento de R$ 2.597.677.500,00, contra os R$ 2.611.115.790,00 de 2015, uma redução de apenas 1%. O investimento para aquisição de trens aumentou 15%, com a compra de 65 novos trens.

 

As obras de modernização nas seis linhas terão continuidade, adequando as intervenções ao plano de operação dos trens durante toda a semana, minimizando interferência na circulação. Dessa forma, o orçamento por linha operacional encontra-se aderente ao plano de investimento.

 

A implantação da Linha 13-Jade, que ligará a capital ao aeroporto internacional de Cumbica, está com o cronograma em dia, apesar de não ter recebido até o momento os R$ 250 milhões prometidos pelo Governo Federal, por meio do PAC da Mobilidade. O Governo do Estado está garantindo a continuidade da obra com recursos próprios e financiamento da Agência Francesa.

 

Também a ampliação da Linha 9-Esmeralda, que ganhará mais 4,5 km entre Grajaú e Varginha, está em andamento com recursos do Governo do Estado. Embora esteja incluída no PAC do Governo Federal, o repasse de R$ 500 milhões ainda não ocorreu.

  

 CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos

3 comentários em CPTM diz que recursos para 2016 serão semelhantes a 2015

  1. Fingir que acredito,agora pode jogar a culpa em alguém né Sr Alckmin.

  2. A linha do aeroporto é a única que tem obras em bom ritmo, gerando fortes expectativas. Mas o trecho desde a Tatuapé até o início dela – a L12 “de Mogi” – segue cheia de promessas não cumpridas.

    As poucas notícias das obras das novas estações da L9 Mendes e Varginha falam de obras muito lentas.

  3. Amigos, bom dia.

    Com tantos clientes/dia, a CPTM nao gera lucros ?????????

    Se nao gerar, tem algo errado.

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: