Santos recebe micro-ônibus seletivos com piso baixo

ônibus acessível

Com piso baixo, mini-ônibus seletivos em Santos oferecem mais acessibilidade. Modelos de ônibus de pequeno porte com esta configuração não são comuns no mercado.

Veículos possuem rampas e motor traseiro e ainda não são comuns no mercado

ADAMO BAZANI

A cidade de Santos, no Litoral Paulista, recebeu nesta semana três mini-ônibus com piso-baixo, motor traseiro, acesso gratuito à internet e ar –condicionado para linhas seletivas municipais.

Operados pela Guaiúba Transportes Ltda, os novos veículos se juntam aos outros 51 micro-ônibus que já prestam serviços seletivos no município. Ainda neste mês, os veículos seletivos devem oferecem TV Digital, com notícias em tempo real, informações de utilidade pública e entretenimento.

A passagem do micro-ônibus seletivo é de R$ 3,90, que pode ser paga com dinheiro ou por cartão específico da Viação Guaiúba. A tarifa dos ônibus comuns, operados pela Viação Piracicabana, é de R$ 3,25.

Os veículos estão escalados nas linhas 201 (Ponta da Praia: Ferry Boat/Centro, via Ana Costa), 202 (Ponta da Praia: Ferry Boat/Centro, via Conselheiro Nébias) e 205 (Zona Noroeste: Jovino de Melo/Centro/Gonzaga, via Ana Costa – Conselheiro Nébias).

PISO BAIXO E MOTOR TRASEIRO AINDA SÃO NOVIDADES PARA ÔNIBUS DE PEQUENO PORTE:

Volare Access

Passagem é de R$ 3,90 paras as linhas seletivas que devem ter TV Digital ainda neste mês.

De acordo com profissionais do setor de transportes, a configuração de piso-baixo oferece maior acessibilidade do que os ônibus com elevadores. Isso porque, o elevador auxilia quem está em cadeira de rodas. Quem não depende deste equipamento, mas tem dificuldades de locomoção, como idosos, pessoas que se recuperam de cirurgias, gestantes e deficientes visuais, ainda precisa enfrentar as escadas dos veículos. É fato que nem sempre é possível usar ônibus de piso baixo em todos os itinerários por causa das condições das vias.

Mas no caso de mini-ônibus ou micro-ônibus, até pouco tempo faltavam opções no mercado com esta configuração.

Os ônibus adquiridos pela Guaiúba Transportes Ltda são modelo Volare Access, com chassi Agrale, de motor traseiro.

Pessoas que precisam de cadeira de rodas têm acesso por rampa e os demais passageiros encontram uma menor altura entre o assoalho do ônibus e a calçada.

A suspensão é 100% pneumática “Full Air” e os veículos possuem sistema de rebaixamento quando param para embarque e desembarque para diminuir ainda mais a distância em relação ao solo.

A capacidade é de 25 passageiros sentados. Os assentos preferenciais para idosos, obesos, gestantes e portadores de deficiência são demarcados, como determinam resoluções federais, há box especial para cadeira de rodas e espaço para cão-guia.

O ar-condicionado possui regulagem eletrônica de temperatura e o desenho dos vidros, que são colados, acompanha a altura dos bancos para facilitar a visualização por parte dos passageiros. Isso ocorre porque a parte traseira do mini-ônibus tem o assoalho mais alto por causa do motor.

Com direção hidráulica, o Volare Access tem motor Cummins ISF 3.8, de 162 cv de potência.

A iluminação interna e dos letreiros é por lâmpadas de LED na cor branca.

Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

6 comentários em Santos recebe micro-ônibus seletivos com piso baixo

  1. Sandro R dos Santos // 19 de agosto de 2015 às 10:20 // Responder

    O carro ficou muito bonito, espero que possamos ver alguns modelos deste aqui na cidade vizinha Campinas.

  2. Amigos, boa noite.

    Enquanto isso Sampa.

    ZZZZZZZZZZZZZzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz

    Esse chassi já é sucesso (micro com motor traseio); só precisa de uma carroceria mais bonita.

    Quem desenvolver e lançar uma carroceria de micro bonita para esse chassi vai vender igual água.

    Comil olha a sua chance ai.

    PREVISÍVELLLLLLLLLLLLLLLLL

    Alguém duvida ?

    Esperem.

    Att,

    Paulo Gil

    • O chassi é Agrale feito junto com a volare dificilmente veremos outras carrocerias nesse chassi ao menos que mercedes e VW se mobilizem e lancem produtos similares pra quem não sabe que inventou o Midibus foi a Agrale e todo mundo copiou….

      • Jackson, boa noite.

        Bom já existem chassi de micro com motor traseiro fora do Brasil; portanto não sei se essa operação casada pode ser eterna.

        Talvez por algum tempo sim, mas se der certo, fica tranquilo que em breve os navios desembarcarão outros chassi por aqui; se não for mais barato montar uma fábrica inteira.

        Eu não duvido nada.

        Abçs,

        Paulo Gil

  3. Só quem possui Tecnologia avançada e Designer arrojado é capaz de inovar e ser pioneiro em lançamentos.
    Parabéns VOLARE , pela inovação.

  4. Achei bacana mais ai fica com menos assentos por já não terem muitos.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: