Câmara aprova modernização de corredor de ônibus e revitalização da Avenida Santo Amaro

Corredor Santo Amaro

Corredor da Avenida Santo Amaro foi um dos primeiros da cidade e já abrigou até rede de trólebus. Espaço deve ser modernizado na Operação Urbana Faria Lima

Câmara aprova reforma de corredor de ônibus e revitalização da Av. Santo Amaro

Trecho de 2,7 quilômetros foi incluído na Operação Urbana Faria Lima. Corredor de ônibus será modernizado

ADAMO BAZANI – CBN

O corredor de ônibus da Avenida Santo Amaro deve ser revitalizado no âmbito da Operação Urbana Faria Lima.

Na noite desta terça-feira, dia 23 de junho de 2015, a Câmara Municipal de São Paulo aprovou de forma definitiva Projeto de Lei 377/2014, do próprio prefeito Fernando Haddad, que inclui um trecho de 2,7 quilômetros da Avenida Santo Amaro nos investimentos da operação. O trecho compreende o perímetro entre a Avenida Juscelino Kubitscheck e a Avenida dos Bandeirantes.

O total de investimentos vai ser de R$ 270 milhões e inclui, além da modernização do corredor de ônibus, recapeamento de vias, aterramento de fiação elétrica, qualificação das calçadas, nova sinalização, troca de semáforos e ajardinamento de canteiros.

O projeto volta para Haddad que deve sancioná-lo.

Em nota à imprensa, pela assessoria da Câmara Municipal, o líder do governo, Arselino Tatto, do PT, disse que a degradação do corredor de ônibus ao longo do tempo foi sentida pela população local.

“Aquele corredor de ônibus é antigo, desde a década de oitenta, e hoje está totalmente degradado. Muitos comércios foram à falência ou fecharam por conta disso. A revitalização vai gerar  mprego, renda e melhorar o transporte de toda a população que se desloca do centro para a zona sul e da zona sul para o centro”

“Os recursos da Operação Faria Lima são gerados através de CEPACS – Certificados de Potencial Adicional de Construção, que são emitidos pela prefeitura autorizando a construção acima do limite permitido pela lei de zoneamento, em troca de contrapartida financeira para a realização das obras na Avenida Santo Amaro. O Executivo estuda colocar a venda 70 mil títulos e, com isso, arrecadar cerca de R$ 400 milhões.” – complementa a nota.

O líder do PSBD na Câmara Municipal, Andrea Matarazzo, votou contra a proposta, mas teve aprovada uma emenda que garante recursos para as favelas do Panorama e do Coliseu.

“A emenda prevê que 33% do dinheiro que já está em caixa na Operação Urbana Faria Lima seja aplicado na urbanização destas duas favelas, e que dos novos CEPACS emitidos, 22% sejam destinados a obras de interesse social naquela região”, explicou Matarazzo, na nota.

Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

15 comentários em Câmara aprova modernização de corredor de ônibus e revitalização da Avenida Santo Amaro

  1. Daniel Fernandes // 24 de junho de 2015 às 12:47 // Responder

    A prefeitura deveria investir num sistema de VLT na Avenida Santo Amaro, iria requalificar todo o entorno e valorizaria toda a região, não adianta revitalizar e continuar ônibus soltando fumaça, é o mesmo que enxugar gelo.

    • William de Jesus // 24 de junho de 2015 às 15:06 // Responder

      Ola Daniel,

      Desculpe,mas discordo de você. A avenida Santo amaro é um trecho importantíssimo da cidade, onde pessoas que vem desde a zona sul inteira, itaim bibi, 9 de julho, jardins, pinheiros, entre outros locais, precisam passar por ela. Hoje a Sto. Amaro conta com cerca de mais ou menos 15 linhas de ônibus, todas com lotação bastante alta (pelo menos 8 delas rodam com ônibus de 23 e 27 metros). Imagine substituir tudo isso pelo VLT. Além de ser um custo muito maior (embora eu ja ache que 270 milhões pra esse treco que eles querem modificar), há risco da obra embargar, travar. Imagine uma avenida como a Sto.amaro interditada por pendencias juridicas, politicas e por ai vai? Isso sem levar em conta a questão da lotação (o VLT daria conta de tanta gente?).

      • Luiz Vilela // 25 de junho de 2015 às 14:30 //

        A trabalheira seria grande mesmo.
        Mas capacidade do VLT é solução e não problema.
        Ele necessariamente leva mais gente que os ônibus se for do tipo do de Santos – com sinalização e central de controle – ocupando, inclusive menos espaço.

    • Foi meu 1o. “sonho” pra mobilidade de Sampa e está mais vivo do que nunca.
      Mais ainda agora que a linha Lilás do Metrô está em plenas obras.

      Seria uma guerra com as máfias de ônibus que duvido que o atual secretário enfrentasse, mas seria o certo. Desde L5XL17 até a Praça da Bandeira e custaria não menos que uns R$ 3 bilhões para tudo. A recíproca é verdadeira: a exemplo de Santo e São Vicente, um VLT IMPORIA redistribuição profunda das linhas de ônibus, já iniciada na marra por L5, o monotrilho e L6 – que passará na Praça 14 Bis..

      Seria fantástico para a cidade, principalmente o complicado e degradado trecho da 9 de Julho entre o túnel e a Pça da Bandeira.

  2. William de Jesus // 24 de junho de 2015 às 15:09 // Responder

    Boa tarde.

    Perai: R$270 mil reais só pra arrumar aquele pedacinho da Sto. Amaro? Porque que já não arrumam inteiro??

    Esse Haddad com certeza é o pior prefeito que a cidade já teve: não faz e, quando faz, faz pela metade. A Sto. amaro virará um inferno nas mãos desse senhor. vai que ele resolve parar a obra ou, pior, substituir as faixas dos ônibus por ciclofaixas.

  3. Amigos, boa noite.

    Nooooooooooooooooooooooooooossa.

    O corredor Santo Amaro é o menos pior e por ter áreas de ultrapassagens, ele “guenta” mais um 5 anos no mínimo.

    Apliquem essa “dinherama” toda no corredor da Radial Leste.

    Ou fastem essa verba fazendo “ralões nos pontos para que os passageiros não tome banho
    de água imunda e ainda ter de pagar R$ 3,50.

    Ainda bem que o buzão é sujo, internamente não fara a mínima diferença; pode até limpar..

    É inacreditável o que fazem de inutilidades

    Att,

    Paulo Gil
    .

  4. O Tatto esqueceu de dizer que o corredor da av. santo amaro foi embelezado pela Marta, em sua passagem pela pref. ocasião em que retirou os trolebus por causarem POLUIÇÃO VISUAL.
    Agora estão dizendo que está defasado desde sua criação em 1980, tendo já sido reformado pela Erundina e pela Marta.
    Agora querem gastar 270 milhoes para embelezar 2,7 km.
    Quanto a melhorar sua fluidez não falam nada.
    Excesso de Linhas, farois não sincronizados e falta de viadutos não incomoda a eles

  5. Uma pena pensando pelo lado de descaracterizar via e tirar as paradas fechadas do centro,vai gerar mais invasões e mais travamento,mais as calçadas acho uma boa ideia.

  6. Alguém sabe quando vão fazer isto? Qual a previsão de tempo de obras?
    Vão travar todo o já caótico transito intenso de quem vai pra zona sul…

  7. Caríssimos,

    Antes de criticar, entendam: esses recursos não podem ser utilizados em quaisquer outras áreas, pois é dinheiro da Operação Urbana Faria Lima. Por lei, dinheiro vindo de operação urbana não pode ser destinado a outras partes da cidade.

    Logo não é possível, por exemplo, destinar esses R$ 270 milhões na radial leste, por exemplo.

    • Julio, boa noite.

      Ok, mas por causa desse engessamento legal emprega-se mal a verba, enquanto a radial leste(por exemplo) a qual nem corredor tem e e uma area de geande densidade populacional, haja visto que nem o metro vermelho + a CPTM dao conta.

      E isso que precisa mudar nesse pais; parar de fazer gestao e politicas publicas com base na letra morta da lei e longe da necessidade real.

      Outro exemplo essa verba tambem seria mais bem aplicada no Aerotrem e por ai vai.

      Pode ser legal, mas e engessado, ultrapassado, nao atende o interesse publico e mais um montao de coisa.

      E so mudar a dotacao orcamentaria e pronto.

      Melhor do que gastar na dotacao certa, mas com o uso nao prioritario.

      Alias, ficz uma sugestao, de cara deve ser eliminado 50% das leis, por isso o Brasil nao anda pra frete continuamente.

      Gestao com aumento de impostos e facil qualquer um faz.

      E so parar de gastar verbas em obras faraonicas e que ainda por cima algumas desabam.

      “Faz forca que eu gemo”

      Pra mim esse modelo esta morto.

      Att,

      Paulo Gil

  8. Diferente do passado qdo ela foi criada, hoje são tantas as linhas de ônibus na da av. Santo Amaro e outro tanto de automóvel, que nossos imóveis estão apresentando rachaduras. Por mais que façamos reformas, o movimento é maior e assim, mais rápido as rachaduras voltam! Quem poderá nos ajudar?????? Kd o Chapoli/ vulgo Haddad?

  9. A Avenida Santo Amaro necessita sim de melhorias. Quem a utiliza sabe do que estou falando. A degradação é geral: calçadas estreitas e enormes postes que impedem a passagem dos pedestres; pontos de ônibus distantes uns dos outros, etc..etc..

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: