Região da Vital Brasil recebe faixas de táxis e ônibus

ônibus

Ônibus em São Paulo. Cidade recebe mais faixa de ônibus nesta segunda-feira. Espaços são compartilhados com táxis.

Região da Vital Brasil recebe faixas para táxis e ônibus

Serão 100 metros na Rua Pirajussara sentido Raposo Tavares

ADAMO BAZANI – CBN

A cidade de São Paulo recebe nesta segunda-feira, dia 18 de maio de 2015, mais 100 metros de faixas compartilhadas entre táxis e ônibus.

O novo espaço é na Rua Pirajussara, sentido rodovia Raposo Tavares, entre a Avenida Vital Brasil e a Rua Catequese. O funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 06h às 20h e aos sábados das 06h às 14h.

Segundo a CET – Companhia de engenharia de Tráfego, pelo trecho passam diariamente nove linhas que ônibus municipais que transportam 68 mil passageiros por dia.

De acordo com a companhia, sobe para 476 quilômetros o total de faixas de ônibus implantadas na cidade. Até 2013, São Paulo tinha 90 quilômetros.

As faixas de ônibus deixaram de ser exclusivas do transporte coletivo e passaram a ser compartilhadas com os táxis em 13 de setembro de 2014. Até então, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, e o secretário municipal de transportes, Jilmar Tatto, defendiam a exclusividade para os ônibus. Uma semana antes, porém, a candidata á reeleição à presidência da República, Dilma Rousseff, que também tentava eleger para o governo do estado de São Paulo, o ex-ministro Alexandre Padilha, pelo PT, se reuniu com lideranças de taxistas da cidade, entre eles, Natalício Bezerra.

Depois do encontro, Haddad e Tatto anunciaram a liberação para os táxis com passageiros.

Ambos negaram que a medida foi eleitoreira, versão contestada pelo Ministério Público de São Paulo.

Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

3 comentários em Região da Vital Brasil recebe faixas de táxis e ônibus

  1. Amigos, boa noite.

    Muito oportuno falar da região da Vital Brasil.

    Ontem, eu ia para Guarulhos, somente de buzão, metros e buzão; porém depois de checar via
    TRAVIC que pela manhã após 23 minutos não passou nenhum um buzão (8019 ou 8705) que me levasse até estação Buta as 15:00 hs não me arrisquei a pagar um “mico” ao vento gelado e fui de carro até o Metro Buta.

    Chegando lá, em todas as ruas todas que as pessoas estacionam seus carros( agora não mais) “empurraram” um monte de ciclotintas, diminuindo em muito o número de vagas para os cidadãos estacionarem seus carros.

    Bom, após uma volta no quarteirão achei uma vaguinha (1/2 boca).

    Na estação Buta, uma estação recente, sequer tem baia para embarque e desembarque, a CET encheu de placas de proibido estacionar e parar em volta da estação e ainda pio ainda a estação
    sequer tem um estacionamento igual temos na Santa Cruz – metro azul.

    Bom, na minha opinião, qualquer estação de metro tem de ter baia para embarque e desembarque e estacionamento.

    Então vejam bem, ontem não pude utilizar o buzão, pois ele mesmo se exclui.

    Cheguei na estação Penha e ao ir para as Plataformas no Terminal pegar o buzão, para chegar em Guarulhos, sequer havia uma placa indicativa informando em qual das plataformas eu embarcaria.

    Nem informando fiscalizadora ou EMTOSA; será que é pedir de mais.

    Como os letreiros de led´s estavam desligados não pude ler se o buzão que estava na plataforma me atenderia.

    Mas como quem tem boca vai a Roma, perguntei e achei.

    Entrei no buzão da EMTOSA e para minha surpres o piloto acumulava a função de cobrador e a maldita catraca dentro do buzão e sem nenhum banco onde havia o banco do cobrador.

    Calma, não acabou.

    Tarifa de R$ 3,95, ou melhor R$ 4,00 afinal com a inflação moedinhas não servem para mais nada.

    Porém para onde vai esses MEUS 5 centavos ???

    Será que a EMTOSA ou a concessionária vão me ressarcir bem como aos demais passageiros que perderam os seus 5 centavos ??

    Imagina entrar no buzão e falar pro piloto, só tenho R$ 3,00, nunca você vai embarcar, nem mesmo sugerindo que ele seja ressarcido por seu lá quem ficou com os meus 5 centavos e de tantos outros passageiros.

    Antes que alguém diga alguma coisa, sei que 5 centavos não dá nem para comprar uma bala, mas ele é meu pois foi ganho com o MEU TRABALHO, assim como todos s 5 centavos que “engoliram” de tantos outros passageiros vítimas de um sistema que não tá nem ai para o “boneco”, pois no dicionários deles não existe a palavra cliente.

    A expressão “boneco” normalmente utilizada no ramo, não podia ser tão exata, realmente passageiro é um boneco e além de tudo de marionete, pois só nos manipulam.

    Tai o relato de um paulistano que tentou utilizar somente o transporte coletivo, mas o próprio coletivo me impediu de utilizá-lo no caso o buzão.

    Por isso digo que o buzão está em desuso, até pelos seus donos e fiscalizadores.

    E tem mais não há sinal de FM para o celular nem no metro AZUL, nem no AMARELO, já passamos do telégrafo né.

    Sei que FM é coisa do passado, mas o celular velho funciona melhor do que o pseudo “toutch”.

    Fui de transporte coletivo por que fui espairecer e porque gosto, mas realmente não vale a pena; somente para comprovar na prática o relaxo que todos já conhecem.

    Hoje pela manhã o TRAVIC mostrou que o carro bota tava rodando na boa um da 8019 e o outro da 8705 e pior ainda deixando o 8705 ir de cata loko.

    Nooooooooooooooooooooooooooooooossssssa.

    Agora com o TRAVIC a licitação saci pererê vai ter de ser totalmente reformulada, ou vão deixar de enviar dados ao TRAVIC ou vão enviar dados somente para marketing.

    PREVISÍVELLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLLL

    Aguardem…

    Se não trabalhar direito o TRAVIC mostra.

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKkkkkkkkkk

    Daqui pra frente o mundo ficará muito engraçado para se viver, ou faz certo ou não faz, pois sistemas como o TRAVIC serão lançados aos montes daqui pra frente e ai a cada dia vai ficar melhor.

    geOps e University of FreiburgPecisa, continuem na parceria e desenvolvam um TRAVIC para controlar nossas contas de celulares e os 0800 dos atendimentos ao ” _________”, que é simplesmente deprimente.

    É bom nem colocar o nome de como o 0800 trata a todos nós.

    Podem falar comigo que estou cheio de ideias para novos TRAVIC´s, oportunidades aqui no Brasil tem aos montes, os novos nomes é fácinho de criar.

    Por exemplo:

    TRAV-$CEL E TRAV8CENTO

    Estou a disposição.

    Att,

    Paulo Gil

  2. Perfeitas observações sobre L4/Butantã, caro Paul Gil!
    Parece “feita pra dar errado” de tanta coisa que não funciona, ou funciona mal.
    Nunca vi $ mais mal gasto que aquele Terminal de Ônibus, com o monte de pontos de parada FORA dele!
    É o resultado da verdadeira zona que resulta de ônibus EMTU com SPTRANS percorrendo rotas malucas e inúteis. Que eu saiba, os ônibus desde Terminal Cotia continuam indo até Barra Funda, por – triste e lamentável – exemplo!

    • Luiz Vilela, boa noite.

      É a velha técnica de criar dificuldades para vender facilidades.

      Com relação ao metro Amarelo, eu tenho uma PREVISIVELLLLLLLLLLL, não vai
      demorar muito para a operação ser jogada nas mãos do Estado, porque a manutenção desta obra faraônica, principalmente onde caiu tudo e nas fundas estações, vai custar os olhos da cara e o metro Amarelo passará rapidamente a dar prejuízo, incompatível com o capitalismo.

      Mais uma para os contribuintes pagarem.

      PREVISIVELLLLLLLLLLLLLLLLL

      Outro dia eu estava observando e pensando:

      Tem tanto buzão da EMTOSA batendo lata em Sampa, que cheguei a seguinte conclusão:

      Os EMTOSAS não devem operar e adentrar no município de Sampa, assim otimizaria o fluxo e não dava tanta bateção de lata nos articuladinhos trucadinhos de Sampa.

      Mas….

      Falando em Terminal Buta, outra aberração do projeto é que o arruamento que é utilizado para entrar no Terminal é feito a 90 graus, da dó de ver a ginástica que os pilotos fazem para entrar, sorte que eles são ótimos.

      Ainda não fiz uma reflexão e nem conheço o Terminal Pinheiros, mas ainda tenho dúvidas se ele foi construído no lugar certo, sem contar que tem buzão que vem da região da Raposo e seu destino é o Terminal Pinheiros.

      Ai eu pergunto:

      Pra que ?

      Só se for para gerar mais congestionamento e poluição; afinal não tem cabimento essas linhas irem até o Terminal Pinheiros se tem o Terminal Buta.e as ligações CPTM Metro Amaraelo.

      Mas quem sabe em 2099 não aplicam nossas sugestões.

      Abçs,

      Paulo Gil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: