Jovens podem colocar ideias sobre mobilidade em prática por meio de concurso internacional

Publicado em: 18 de maio de 2015

mobilidade urbana

Ideias novas sobre tecnologias limpas para ônibus, alternativas para melhorar a circulação de bicicletas, calçadas mais acessíveis e humanização no atendimento ao passageiro podem ser apresentadas em concurso internacional de mobilidade. Imagens Google

Jovens com ideias para a mobilidade podem participar de concurso internacional

Desafio é uma parceira entre Brasil e Suécia. Inscrições podem ser feitas até 31 de maio. Projeto vencedor vai sair do papel

ADAMO BAZANI – CBN

Muitas vezes as soluções para a mobilidade urbana podem ser simples sem deixar ao mesmo tempo de ter um caráter inovador.

Uma das críticas sobre o fato de que a mobilidade ainda não consegue mais avanços é o distanciamento ainda existente entre o mundo acadêmico e o mercado, ou seja, o conhecimento nem sempre anda junto do cotidiano e vice-e-versa.

Um concurso internacional que une Brasil e Suécia promete mostrar que a área dos estudos e a operação prática das medidas em prol da mobilidade urbana podem estar mais próximas do que se imagina e trazerem soluções reais para o dia a dia das pessoas.

A Embaixada da Suécia, o Swedish Institute , Munktell Science Park e o Fundo Verde da Universidade Federal do Rio de Janeiro-UFRJ buscam brasileiros inovadores e que tenham sugestões de como lidar com a mobilidade urbana.

Para isso, estão abertas as inscrições para jovens universitários e profissionais para o desafio ‘Smart Living Challenge’.

O desafio neste ano traz a possibilidade de a ideia vencedora ser aplicada na prática.

O projeto incialmente será testado na cidade universitária da UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro.  Se os resultados forem positivos, a ideia poderá passar por testes na capital fluminense ou em outras cidades.

O desafio foi dividido em três grandes temas: Transporte (Move), Alimentação (Eat) e Moradia (Live). Em 2015, três países participam: o Brasil focará no tema Transporte; a Sérvia desenvolverá o de Moradia; e a Zâmbia o de Alimentação.

As inscrições no Brasil devem ser feitas até o dia 31 de maio pelo e-mail Leandro.rocha@gov.se ou SLCBrasil2015@gmail.com  com os seguintes tópicos: breve background acadêmico e profissional, a motivação para se inscrever no desafio e sugestão de ideia para o projeto de mobilidade para a Cidade Universitária da UFRJ (em aproximadamente 15 linhas), além de dados de contato, como telefone e e-mail. Podem participar jovens de qualquer parte do País, mas um importante pré-requisito é a disponibilidade para realizar encontros semanais presenciais no Rio de Janeiro durante o período do projeto por três meses. Também é necessária a fluência na língua inglesa.

Além de ser testada na prática, ideia vai ser apresentada na COP21, em Paris, no mês de dezembro.

Mais detalhes em:

http://2015.smartlivingchallenge.com/

Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Comentários

  1. Paulo Gil disse:

    Adamo, boa noite.

    Por favor, você sabe qual o link onde podemos acessar o Edital do Concurso para que possamos saber quais são as condições, requisitos, o tipo da premiação e etc ?

    Caso positivo, post o link para nós, no seu Blog.

    Att,

    Paulo Gil

    1. Paulo, deve ser mandado um e-mail para o endereço eletrônico na matéria. No final acrescentei o link do programa oficial

  2. Paulo Gil disse:

    Adamo, boa noite.

    Eu mandei uma mensagem para o-mail indicado e a mesma retornou.

    Por favor você pode confirmar o endereço do e-mail ??

    Att,

    Paulo Gil

    1. foi este e-mail que a assessoria enviou. Vou verificar

      1. Paulo Gil disse:

        Adamo, boa noite.

        Muito obrigado pela atenção.

        Eu estou fora do perfil desejado pelo concurso.

        O e-mail está correto, talvez a caixa dele esteja cheia.

        Vou aguardar um próximo que contemple os “antigões”.

        Att,

        Paulo Gil

      2. Ao dispor. de toda a forma, a embaixada nos passou outro e-mail para os interessados.
        Abraços

Deixe uma resposta