Lucro líquido da Marcopolo cai quase 40% no primeiro trimestre

ônibus

Ônibus Marcopolo. Crise econômica brasileira faz com que lucro da empresa caia quase 40%. Fabricante teve de reduzir jornada de trabalho dos empregados. Foto: Adamo Bazani

Lucro da Marcopolo cai quase 40% no primeiro trimestre

Desaquecimento da economia brasileira é o principal fator

ADAMO BAZANI – CBN

Considerada a maior fabricante de carrocerias de ônibus no Brasil, a Marcopolo teve queda de 37,4% no lucro no primeiro trimestre deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado. O lucro líquido foi de R$ 34 milhões.

Enquanto que de janeiro a março do ano passado, a Marcopolo teve resultados positivos de R$ 9,2 milhões, no mesmo período de 2015, houve registro de R$ 19,9 milhões de resultados financeiros negativos.

A fabricante já reduziu a jornada semanal de trabalho para evitar demissões e sente o momento de desaquecimento da economia brasileira que reflete diretamente na renda da população e no nível de investimentos.

Em nota, a Marcopolo destaca o baixo desempenho dos ônibus rodoviários e dos miniônibus da marca Volare, pertencente à empresa.

“O resultado foi afetado pela menor receita nos segmentos de rodoviários e Volares no mercado interno, que recuaram 24,1 por cento e 58,1 por cento, respectivamente”

A empresa também admite programar para mais tarde investimentos

“A Marcopolo vem buscando se adaptar a esse cenário adotando férias coletivas, flexibilização da jornada de trabalho, postergação de investimentos, redução de custo fixo e melhorias na eficiência operacional”

A receita líquida caiu 11,5% no primeiro trimestre deste ano em relação ao período do ano passado, somando R$ 656,8 milhões. O desempenho no mercado interno foi fundamental para o resultado. No Brasil, as receitas caíram 32,2%. As receitas de exportação, no entanto, com a alta do dólar e o melhor cenário econômico dos outros países, subiram 40,9%. No entanto, em número de unidades, o total exportado é menor que o produzido para o mercado interno.

O Ebitda (sigla em inglês para designar o lucro antes de contabilizados juros, impostos, depreciação e amortização) caiu 12% de janeiro a março deste ano, somando R$ 65,8 milhões.

Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

1 comentário em Lucro líquido da Marcopolo cai quase 40% no primeiro trimestre

  1. Amigos, bom dia.

    Marcopolo, apesar de voces nao terem manifestado interesse na compra da letra da minha musica para a campanha de marketing do G-8 e nem da minha ideia de um micro lindinho, vou dar a solucao para aumentar o lucro.

    Facam como a grande maioria das empresas estao fazendo:

    DIMINUAM A QUANTIDADE DE PRODUTO.

    Vendam um G-7 DD e entreguem um Senior.

    Afinal vendem gasolina e entregam “mistura combustivel, portanto uma pratica do mercado brasileiro.

    Pensem na campanha de marketig do G-8, a musica pode ser gravada por um grupo gaucho com certeza e o micro li di ho tambem.

    Att,

    Paulo Gil

1 Trackback / Pingback

  1. Transporte e mobilidade sustentável: Investimento em tecnologia limpa faz bem à população. | Nosso transporte público

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: