Passageiras da zona Sul de São Paulo vão ganhar rosas pelo Dia da Mulher

ônibus

Ônibus da Transwolff. Empresa vai distribuir 50 mil rosas em homenagem ao Dia Internacional da Mulher.

Passageiras de ônibus na zona Sul vão ganhar rosa em alusão ao Dia da Mulher
Transwolff promete a distribuição de 50 mil flores em 90 linhas na sexta-feira, dia 06
ADAMO BAZANI – CBN
Passageiras de ônibus da zona Sul da Capital Paulista vão ganhar nesta sexta-feira, dia 06 de março de 2015, rosas logo nas primeiras viagens.
A iniciativa é da empresa Transwolff Transportes e Turismo Ltda., criada a partir da cooperativa Cooper Pam, já de olho na licitação do sistema de transportes da cidade. O secretário municipal de transportes, Jilmar Tatto, declarou durante a apresentação do relatório sobre as contas do sistema elaborado pela auditora Ernest & Young que na licitação a ser lançada ainda neste semestre, o modelo de cooperativa deve deixar de existir.
A distribuição das rosas será uma homenagem ao Dia Internacional da Mulher, comemorado no dia 08 de março, que neste ano será num domingo, dia de menor demanda de passageiros.
Segundo a empresa, serão distribuídas entre as 4h30 e 06h00 desta sexta-feira, 50 mil rosas vermelhas que vieram da cidade de Holambra, interior paulista, nas 90 linhas por onde circulam 1200 veículos. Estes trajetos atendem diariamente a 700 mil pessoas no extremo Sul da Capital Paulista. As flores somam um peso de aproximadamente 1,5 tonelada.
“A empresa não podia deixar passar uma oportunidade tão importante como essa para prestigiar. Essas passageiras representam as mulheres trabalhadoras deste país. Levantam cedo, cuidam dos filhos e são chefes de família. É um orgulho para a empresa transportar mulheres neste perfil”, diz o presidente da Transwolff, Luiz Carlos Pacheco, em nota à imprensa.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

8 comentários em Passageiras da zona Sul de São Paulo vão ganhar rosas pelo Dia da Mulher

  1. Sergio Santo André // 5 de março de 2015 às 12:59 // Responder

    Bela iniciativa. Uma pena que no final da viagem as rosas vão estar completamente amassadas…Que tal trocar as rosas por mais ônibus ???

    • William de Jesus // 5 de março de 2015 às 19:09 // Responder

      Boa tarde.

      De fato preferia mais ônibus no lugar das rosas, mas não podemos minimizar a iniciativa da empresa, uma vez que até então nunca vi as empresas daqui fazerem algo semelhante.

      Sobre sua colocação, só virão novos ônibus depois que definirem a licitação. Os ônibus que estão chegando agora, como foi caso da Mobibrasil e campo Belo, são pedidos feitos antes mesmo dessa idéia da nova licitação, mas que só entregaram agora.

  2. Seria um novo Robin Hood?
    Rouba dos operadores para oferecer ás mulheres!!

    • Essa empresa está de parabéns pela iniciativa,mesmo porque a ideia foi tão boa que outras não a fizeram ,quanto aos carros novos todos os dias eu pego condução e qualquer um pode observar que está empresa em sua maioria só tem carros novos, palavra de quem todos os dias está pegando condução ,para ir ao trabalho e não sou sego, eu só falo oque eu vejo

  3. Peraí galera. Não vamos misturar as estações. Esse papo de Robin Hood mais ônibus e blá blá é importante mas não nesta postagem. O povo tem de saber a hora que deve falar.
    Parabéns sim pela inicitiva. A empresa não é obrigada a fazer isso.
    Quanto a mais ônibus: 156 ou Ministério Público.
    Roubar dos Operadores? Justiça.
    Nada a ver essas opiniões em hora errada. O blog vem com um monte de denúncia e parece tudo carneirinho com medo de comentar na postagem que até autoridades vão ver. Aí comentam coisa na a ver nessa.
    Zé povinho esse

  4. William de Jesus // 5 de março de 2015 às 19:19 // Responder

    Boa tarde!

    Parabens à Transwolff pela iniciativa. Dia da mulher deve ser respeitado, assim como qualquer outra data comemorativa.

    Amigos, não misturem as coisas: a reportagem é referente à homenagem que será feita, e não se estão deixando de ter mais carros pra comprar flores. Quantas empresas fizeram algo semelhante? Agora que uma resolve fazer, criticam. Fora do contexto!!

    “Por que não trocam as flores por mais õnibus?”: porque é uma homenagem à mulher, algo mais isolado, fora do sistema SPTrans.

    “Hobin Hood?”: quem garante que os próprios funcionários não deram a idéia?

  5. Amigos, boa noite.

    Só espero que as rosas não sejam vermelhas.

    É um bom marketing para um novo nome, pré licitação.

    Depois, aguardem os espinhos.

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: