Mais brasileiros querem viajar de ônibus, mostra nova pesquisa do Ministério do Turismo

ônibus

Ônibus rodoviário. Pesquisa do Ministério do Turismo mostra que houve aumento intenção dos brasileiros pelas viagens de ônibus. No entanto, o avião continua sendo o principal meio de deslocamento de média e longa distância. Foto: Adamo Bazani

Pesquisa do Ministério do Turismo revela que mais brasileiros querem viajar de ônibus
No entanto, mais da metade dos pesquisados vai de avião, aponta levantamento
ADAMO BAZANI – CBN
Se depender da intenção dos brasileiros, o número de viagens de ônibus vai aumentar nas férias de final e de início de ano.
É o que revela a pesquisa “Sondagem do Consumidor – Intenção de Viagem”, realizada pela Fundação Getúlio Vargas – FGV, com duas mil famílias, a pedido do Ministério do Turismo em novembro e divulgada nesta terça-feira, dia 09 de dezembro de 2014.
Segundo o levantamento, aumentou de 9% para 14,7% a preferência pelo uso dos ônibus rodoviários para as viagens até o mês maio.
Já as intenções em relação às viagens de carro tiveram queda de 34,1% para 28,1%.
Ainda de acordo com a pesquisa, 34,2% dos entrevistados pretendem viajar até maio.
A maioria deste total, no entanto, vai realizar os deslocamentos de avião: 54,1% dos entrevistados. No ano passado, este número era de 53,4%.
Os dados, colhidos em sete capitais, mostram que a popularização do setor aéreo, que foi intensificada a partir de 2001, fez do avião o principal meio de viagem do brasileiro entre capitais e cidades com maior infraestrutura.
No entanto, a capilaridade das linhas de ônibus que chegam a destinos ainda não cobertos pela aviação, principalmente em locais de difícil acesso, a regularidade dos serviços e a modernização do atendimento de algumas empresas são fatores que parecem fazer com que o transporte rodoviário de passageiros voltasse a ganhar um destaque maior na intenção das viagens.
Vale ressaltar, porém, que o setor é bem heterogêneo. Enquanto existem empresas que investem em diferenciais, como vendas de passagens pela internet, melhor capacitação de atendentes nos guichês e serviços telefônicos, renovação de frota, inclusive com novas categorias de serviços e com sanitários masculino e feminino diferentes em cada veículo, há viações que ainda não oferecem o mínimo exigido pelos passageiros.
E isso independe do porte da companhia de ônibus. Algumas empresas, mesmo pequenas, para permanecerem no mercado e conquistarem mais passageiros, oferecem serviços melhores que muitas companhias de grande porte.
O setor viveu um período de estagnação entre 2008 e este ano por causa das indefinições a respeito das linhas interestaduais e internacionais que seriam licitadas pela ANTT – Agência Nacional de Transportes Terrestres. Após dura queda de braço com o Governo Federal, as empresas que não concordaram com o modelo proposto pela ANTT, conseguiram o que queriam. As concessões de linhas serão feitas individualmente, como ocorre com o setor aéreo, sem a divisão do sistema em lotes e grupos, um dos pontos mais criticados pelos empresários.
Em nota à imprensa,o diretor do Departamento de Estudos e Pesquisas do Ministério do Turismo, José Francisco Lopes, explica que o período de férias estimula deslocamentos de curta distância, o que justifica o aumento expressivo da preferência por viagens de ônibus. “Verificamos, no entanto, que o avião continua sendo o meio de transporte mais requisitado, com o automóvel em segundo lugar”.
A pesquisa, que é realizada mensalmente mostra a intenção de viagem dos brasileiros para os próximos 180 dias a partir do mês da sondagem.
As entrevistas são feitas em Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo, capitais que concentram cerca de 70% do fluxo doméstico de viagens.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

2 comentários em Mais brasileiros querem viajar de ônibus, mostra nova pesquisa do Ministério do Turismo

  1. claudinei da silva guimaraes guimaraes // 10 de dezembro de 2014 às 11:24 // Responder

    Date: Tue, 9 Dec 2014 21:20:32 +0000 To: claudinei-pufonibus@hotmail.com

  2. Amigos, boa noite.

    Isso se a inflacao assim o permitir, pois com a corrosao acida dos salarios, viagens so em caso de necessidade, seja de buzao ou de aviao.

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: