Táxis e também os ônibus ganham mais uma faixa na zona Leste de São Paulo

faixa de ônibus

Táxis e também os ônibus ganham mais uma faixa para circulação na capital paulista. Espaço de 600 metros começa a funcionar na zona Leste. (Foto: Apu Gomes/Folhapress

Táxis e ônibus ganham mais uma faixa na zona Leste de São Paulo
Agora a cidade passa a ter 465 quilômetros de faixas compartilhadas
ADAMO BAZANI – CBN
Começa a funcionar nesta segunda-feira, dia 06 de outubro de 2014, mais uma faixa compartilhada entre ônibus e táxis na cidade de São Paulo. Até o dia 13 de setembro, os espaços eram exclusivos para o transporte coletivo.
O novo espaço tem 600 metros e está localizado na Avenida Carlos de Campos, no trecho entre a Praça Ítalo Ottani e a Rua Mendes Gonçalves, na Zona Leste.
A operação é à direita da via nos dois sentidos. Em direção ao centro, o espaço é dedicado aos ônibus e táxis das 6 horas da manhã às 9 horas da manhã. Já no sentido bairro, a operação é das cinco horas da tarde às oito horas da noite.
Pelo local, por dia, são atendidos 32 mil passageiros de ônibus por dia. A CET – Companhia de Engenharia de Tráfego não soube informar quantas pessoas são transportadas pelos táxis nesta avenida.
Desde janeiro do ano passado, foram inaugurados 359 quilômetros e 600 metros de faixas. Antes a cidade possuía 105 quilômetros, totalizando agora 464 quilômetros e 600 metros deste tipo de espaço.
O Ministério Público de São Paulo contesta a liberação do tráfego de táxis pelas faixas de ônibus.
O órgão pediu os estudos alegados pela prefeitura para justificar a permissão aos taxistas.
Os táxis podem andar com passageiros e realizar embarques e desembarques pelas faixas à direita, o que, segundo a prefeitura, não interfere no tempo de viagem de quem usa transporte coletivo.
O Ministério Público duvida desta constatação, já que três estudos sobre os corredores que ficam à esquerda da via, contratados pela própria prefeitura, mostram que mesmo sem parar para embarcar e desembarcar, os táxis com passageiros podem provocar redução média de 25 por cento na velocidade dos ônibus.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

2 comentários em Táxis e também os ônibus ganham mais uma faixa na zona Leste de São Paulo

  1. Interfere sim, nas faixas onde voltaram a rodar os taxis ficaram bem mais lentas, devida a profunda baixa velocidade dos taxis a procura de passageiros, principalmente na radial leste que alem dos taxis tem ainda os carros particulares que aproveitam e entram entre e os taxis, gol contra deste prefeito que da um dentro e duas fora, na av. Aricanduva nem se fala, não existe faixa pois os carros andam como se não existissem, porque não tem fiscalização, por isso o governador obras sem fim, voltou a se reeleger, devido a administração maria vai com as outras do Haddad, fora que no centro da cidade e um absurdo, a rua São Luiz e Maria Paula, simplesmente a faixa e so para inglês ver, pois não tem um fiscal, eu disse nenhum fiscal.,

  2. Não sou contra, pelo contrário, mas me pergunto qual a vantagem de alguns metros de faixa? Na minha concepção, faixa exclusiva deveria ter alguns quilômetros para ser vantajosa, não apenas alguns metros…

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: