Ribeirão Preto prorroga para o dia 11 a eliminação do pagamento de passagem de ônibus com dinheiro

ônibus

Ônibus em Ribeirão Preto. Prazo para início de pagamento somente com cartão foi prorrogado para o dia 11 de outubro.

Ribeirão Preto prorroga para o dia 11 a eliminação de dinheiro em ônibus
Medida se dá pela procura pelo cartão eletrônico ser muito alta. Nem todos os passageiros do sistema conseguiram fazer o bilhete
ADAMO BAZANI – CBN
A eliminação completa do pagamento de passagens em dinheiro nos ônibus de Ribeirão Preto, no Interior de São Paulo, que estava prevista para ocorrer a partir desta quarta-feira, dia 1º de outubro de 2014, foi prorrogada agora para o dia 11 de outubro.
A prefeita de Ribeirão Preto, Dárcy Vera, alegou oficialmente que o motivo da prorrogação são as eleições que ocorrem no domingo, dia 05 de outubro. Segundo ela, várias pessoas de ouras cidades devem votar em Ribeirão Preto e não possuem o cartão eletrônico que passará a ser obrigatório para o pagamento das passagens.
Mas o presidente do Seturp – Sindicato dos Empregados das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Ribeirão Preto, João Henrique Bueno, admitiu que uma grande quantidade de passageiros, aproximadamente 5 mil, não conseguiu fazer o cartão, o que acarretaria em transtornos nos transportes da cidade.
Aproximadamente 26 mil cartões tinham sido emitidos até esta terça-feira, dia 30 de setembro de 2014.
MODALIDADES DA BILHETAGEM ELETRÔNICA:
– Cartão Empresarial, para pessoas que fazem deslocamentos a serviço para empresas e estabelecimentos comerciais.
– Cartão Especial: para pessoas com algum tipo de deficiência e que contam com gratuidade
– Cartão Especial com Acompanhante: para pessoas com algum tipo de deficiência que possuam acompanhantes fixos nos deslocamentos
– Cartão Estudante: que dá desconto de 50% na passagem de ônibus para estudantes do ensino regular ou de cursos reconhecidos pelo MEC.
– Cartão Estudante Gratuito: que, dependendo da renda da família do estudante, dá isenção total na tarifa
– Cartão Senior: para idosos com direito a gratuidade.
– Cartão Vale-Transporte: cujas passagens são pagas pelas empresas empregadoras, com participação do trabalhador de acordo com a lei federal.
– Cartão Cidadão: para os moradores de Ribeirão Preto e região que não se enquadram nas outras categorias.
– Cartão Expresso: feito para ser carregado com poucas viagens e que pode ser adquirido nos 20 terminais de autoatendimento de Ribeirão Preto. O bilhete é destinado para passageiros eventuais, que não usam constantemente o transporte coletivo.
O passageiro, para evitar este transtorno em filas nos postos de atendimento, pode fazer a solicitação dos cartões pela internet.
São dois endereços: http://www.portalcidadao.com.br ou http://www.nossoritmoribeirao.com.br
Após o cadastro, o cartão vai ser enviado à casa do passageiro pela Empresa de Correios e Telégrafos em três dias úteis. Junto virá um folheto com explicações de como o passageiro pode desbloquear o cartão.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: