Greve de ônibus em Curitiba e região é descartada para esta segunda-feira

ônibus

Segunda-feira não vai ter greve de ônibus em Curitiba e Região. Não houve ainda acordo entre motoristas e cobradores e empresas, mas sindicato dos trabalhadores atendeu pedido do Tribunal do Trabalho e suspendeu o indicativo de greve. Foto: Adamo Bazani.

Descartada greve de ônibus em Curitiba e Região
Sindimoc atendeu solicitação da Justiça, mas negociações continuam.
ADAMO BAZANI – CBN
Motoristas e cobradores de ônibus de Curitiba e Região Metropolitana descartaram realizar a greve anunciada para esta segunda-feira, dia 23 de junho de 2014.
Mas ainda não houve acordo entre os trabalhadores e as empresas de ônibus.
O Sindomoc – Sindicato dos e Cobradores de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana, em reunião de conciliação no TRT – Tribunal Regional do Trabalho atendeu pedido da desembargadora Ana Carolina Zaina e suspendeu o indicativo de greve.
A reunião teve a participação do Sindimoc, do Setransp –Sindicato das Empresas de Transporte Urbano e Metropolitano de Passageiros de Curitiba e Região Metropolitana e de representantes da Urbs – Urbanização de Curitiba S.A., gerenciadora da RIT – Rede Integrada de Transporte, que engloba as linhas municipais e intermunicipais que servem a capital paranaense e 12 cidades ao redor.
Uma nova reunião de conciliação está marcada para a terça-feira, dia 24 de junho, às 14 horas.
O Sindimoc disse esperar avanço nas negociações e não descarta, na segunda-feira, anunciar uma greve que poderia começar 72 horas depois, atendendo à legislação.
A magistrada deu até prazo até terça-feira para que a Urbs, a Comec- Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba e as empresas de ônibus deem uma reposta às reivindicações dos trabalhadores.
O Sindimoc alega que as companhias não cumpriram integralmente acordo coletivo firmado em março. O sindicato dos trabalhadores também se queixa de supostos descontos indevidos dos salários em caso de assaltos, multas por fiscalizações e acidentes.
A entidade quer também o fim da dupla função, pela qual o motorista dirige o ônibus e cobra as passagens ao mesmo tempo, alegando que a prática aumenta os riscos de acidentes por desviar a atenção do condutor e que aumenta o nível de estresse do profissional que acaba acumulando as responsabilidades que deveriam ser de dois trabalhadores.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

4 comentários em Greve de ônibus em Curitiba e região é descartada para esta segunda-feira

  1. Alberto Aliperti Soares // 21 de junho de 2014 às 02:56 // Responder

    Eu gostaria de uma resposta sobre a greve dos motoristas e cobradores se no dia 23/06/2014 estar de greve ou não na segunda feira

  2. É isso o que foi decidido mesmo na assembléia de ontem (21/06)? Ouvi dizer ontem que teria a greve, agora não sei qual foi a decisão final. Alguma posição?

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: