Cerca de 250 cidades mineiras vão contar com novos micro-ônibus escolares

ônibus

Iveco entrega 250 unidades do modelo CityClass para o transporte escolar em áreas rurais de 250 cidades mineiras. Foto: Divulgação

Iveco entrega 250 micro-ônibus escolares para o Governo de Minas Gerais
Veículos modelo CityClass vão atender a 250 cidades com zonas rurais
ADAMO BAZANI – CBN
Ao menos 250 cidades com zonas rurais do estado de Minas Gerais vão contar com novos micro-ônibus para o transporte de estudantes, principalmente nas áreas de difícil acesso.
A fabricante Iveco entregou na tarde desta quinta-feira, dia 03 de outubro, 250 unidades do modelo CityClass, de sete toneladas, ao governo mineiro.
A cerimônia de entrega teve a presença do governador Antônio Anastasia e da secretária estadual da educação, Ana Lúcia Gazolla.
De acordo com a Iveco, o noto CityClasss de sete toneladas possui uma configuração interna para transportar até 36 alunos, antes a capacidade era de 29 estudantes. Com isso, foi possível ampliar o atendimento em cerca de 25% sem a necessidade de aumento na frota.
O modelo foi elaborado pelo Centro de Desenvolvimento de Produto da Iveco, em Sete Lagoas, Minas Gerais, em parceria com a encarroçadora Neobus, de Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul.
Segundo nota da Iveco, a mecânica é a mesma do Iveco Daily 70C17 HD, com motor FPT F1C Dual Stage Euro V common rail de 3.0 litros, 170 cavalos de potência, 450 Nm de torque, e com tecnologia EGR, que dispensa o uso do Arla 32 para atender aos atuais padrões de restrição a emissão de poluente.
A transmissão é ZF de seis marchas com alavanca no painel, o que, segundo a empresa, melhora a ergonomia e deixa as trocas de marchas menos cansativas. O o sistema de freios é hidráulico pneumático HD – podendo apresentar maior capacidade e eficiência de frenagem.
Computador de bordo, imobilizador, tacógrafo e piloto automático são itens de série no modelo de micro-ônibus.
De acordo com a fabricante, já foram vendidas 4 mil unidades ao Governo Federal desde a criação do Programa Caminho da Escola, que conta com os recursos do FNDE -Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: