Tatto estuda criar faixas para táxis no Corredor Norte-Sul

ônibus

Ônibus precisa sair da faixa por causa de táxi que desembarca passageiro na faixa exclusiva da Avenida Paulista. Taxistas fizeram manifestação, mas circulação em faixas ainda está proibida. Foto:Adamo Bazani

Corredor Norte – Sul pode ter faixa para táxis e carros com passageiro
Taxistas fizeram protesto para circularem em faixas exclusivas, o que não foi liberado pela secretaria de transportes
ADAMO BAZANI – CBN
O Secretário Municipal dos Transportes, Jilmar Tatto, prometeu nesta manhã estudar a criação de uma faixa para vans escolares, taxistas e carros com passageiros no Corredor Norte-Sul, principal acesso para o Aeroporto de Congonhas, na zona Sul de São Paulo.
A promessa foi feita durante encontro de Tatto com representantes de taxistas. Aproximadamente 30 táxis fizeram uma carreata entre o Aeroporto de Congonhas e a região central de São Paulo.
Os taxistas protestam contra ação do Ministério Público que apura vendas de alvarás e quer fazer uma nova licitação, pedem mais fiscalização contra os táxis clandestinos e a liberação do tráfego pelas faixas exclusivas de ônibus à direita.
Hoje, a circulação dos táxis com passageiros só é permitida nos corredores ou faixas à esquerda, desde que o taxista esteja com passageiros.
Não houve acordo em relação ao uso das faixas de ônibus pelos taxistas. A circulação continua impedida.
Segundo Tatto, pela circulação nos espaços ser à direita, as constantes paradas junto à calçada para embarque e desembarque de passageiros de táxis, as faixas perderiam a principal função que é oferecer maior velocidade e preferência aos ônibus.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

2 comentários em Tatto estuda criar faixas para táxis no Corredor Norte-Sul

  1. Prezado Adamo , tem uma noticia ridicula , no maua virtual , do dia sete , onde mais uma vez o caudilho ptista donizete , ataca a Leblon , se der por favor tenta , se inteirar na noticia e coloque aqui para eu poder compartilhar

  2. Amigos, boa noite.

    Essa questão dos taxis tem deliberar sim; porém somente com passageiros.

    Com relação a criar faixa exclusiva para taxi e outros, entendo que não espaço físico suficiente.

    Att,

    Paulo Gil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: