Airport Service terá mais dois ônibus 0 km para aeroporto de Guarulhos

ônibus

Airport Service adquire mais dois ônibus para a linha Metrô Tatuapé / Aeroporto de Guarulhos. Caio Millennium III tem capacidade para 39 passageiros sentado, 46 em pé e espaço para cadeira de rodas ou cão guia que acompanha portadores de limitações visuais. Divulgação Caio

Airport Service amplia a frota para atender passageiros do Aeroporto de Guarulhos
Empresa adquiriu mais dois veículos para a linha entre o Metrô Tatuapé e Aeroporto
ADAMO BAZANI – CBN
Os passageiros que usam a linha Metrô Tatuapé – Aeroporto Internacional de São Paulo, do serviço Airport Service, da Serveng Transportes Ltda, vão contar com mais dois ônibus novos à disposição.
A Caio Induscar informou nesta terça-feira que forneceu para a empresa duas carrocerias modelo Millennium III.
O ônibus é encarroçado sobre chassi O 500 U, de piso baixo, da Mercedes Benz e tem capacidade para transportar 39 passageiros sentados, 46 em pé e espaço para cadeira de rodas ou cão guia acompanhante de portadores de limitação visual. O veículo segue os padrões obrigatórios de redução de emissão de poluentes, com base nas normas internacionais Euro V.
As dimensões da carroceria são 13,2 metros de comprimento, 2,5 metros de largura e 3,1 metros de altura.
As janelas possuem vidros inteiriços devido à presença do ar condicionado e os bancos dos passageiros são de plástico injetado e estofados.
E como o conforto do motorista reflete na rentabilidade da empresa e no bom atendimento ao passageiro, a poltrona do condutor é hidráulica, mais macia.
O veículo vem equipado com o dispositivo “anjo da guarda”, que impede que o ônibus se movimente com as portas abertas para aumentar a segurança dos passageiros.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

6 comentários em Airport Service terá mais dois ônibus 0 km para aeroporto de Guarulhos

  1. os outros vieram com poltronas com tecido e esse com esse novo padrão de banco da Caio tão polemico….. será bem vindo mais carro a linha,já que a demanda anda subindo bem..

  2. Ai sim espero que seja exemplo para as empresas de Guarulhos.Abraço mano

  3. Esses ônibus da Airport são os melhores que circulam em Guarulhos, pena que as empresas guarulhenses não investe na melhoria e na qualidade. Pois as empresas só se interessam em ter ônibus com motor dianteiro , articulado ou com motor traseiro é esperar por um milagre.

    • Friend, estou contiigo!!!
      Aqui em Guarulhos as Empresas Vila Galvão (Grupo Niff) e a Campos dos Ouros (Grupo Berlamino) tem sido convientes com A Prefeitura de Guarulhos junto a Secretária de Transportes e Transito “STT”.

      Desde quando o Prefeito de Guarulhos Sebastião Almeida assumiu a Gestão, vem fazendo Promessas, Projetos Absurdos e FEITOS NAS COXAS rs; falou que ia adicionar Ônibus Articulados a Atual Frota melhorar o atendimento a População. Mas o que vemos é antigos ônibus da antiga frota da E.O. Vila Galvão (Grupo NIFF) atuando na E.O.Guarulhos que eles compraram a Empresa e passou a pertencer ao Mesmo Grupo que atua na Cidade.

      Sem falar dos ônibus coletivo que Administração da Campos dos Ouros colocou para operar são da Rápido Campias, e os Articulados que rodaram na linha 713 Term. Pimentas / Bom Cima, 701 Centro / Term. Pimentas – Via Ayrton Senna não passam de mera ilusão; porque era mesmo só pra testar a Ingenuidade do Povo Guarulhense que foi enganado, votando no PT de novo!!!

      Um dias destes eu liguei na Garagem da Campos dos Ouros, aqui no Bairro do Jd. Bela Vista em Guarulhos mesmo; para cobrar o porquê estão demorando pra comprar os Articulados. A Moça responsavel pelo Depto de Reclamações, falou quem era responsavel por essa Solicitação seria a STT (Secretária de Transportes e Transito) dizendo pra entrar em contato com eles no 011 2475-6996 e lá fazer a reclamação.

      O mais engraçado foi que, desde que foi implantado o Bilhete Único de Guarulhos falaram que: Muitas coisas mudariam pra melhor, mas na verdade o Sistema de Transporte Municipal está um caos!! O Almeida tirou os Pirueiros donos das vans que cirulavam com as Lotações, em compensação não pois mais ônibus nas linhas que tiveram a Denominação e o Intinerários alterados. Os micreiros desistiram de continuar com as Cooperativas; e trabalhar pela própria Prefeitura que até agora atrasou com os Pagamentos dos Motoristas. O Alemida está com a Cabeça à Premio pelas suas mentiras.

  4. Adamo, bom dia.

    A última medida que eu fiz da largura útil do corredor (de apoio de braço a apoio de braço) foi num Millenium semi novo ( 8 2257 ), cuja largura útil do corredor é de 60 centímetros.

    Sugiro a você incorporar as medida dos corredores internos, quando das descrições dos modelitos; pois
    de nada adianta o Buzão ter 13,2 ou 15 m de comprimento e 2,5 m de largura se o corredor interno tem
    SÓ 60 CENTÍMETROS.

    Em outro post coloquei as medidas dos Buzões novos que medi na Trasnpúblico.

    Com essas medidas de corredor girando em torno de 60 centímetros, NUNCA TEREMOS CONFORTO NOS BUZÕES, principalmente agora com os banquim mais durim (o que eu suspeito que é a isto que o Rogerio se refere acima).

    Bom corredor de rua e avenida a lá Paulo Gil eles já se renderam e estão aplicando.

    Quem sabe as encarroçadoras não se rendem a sugestão para o Buzão de Sampa a lá Paulo Gil também, pois corredor de 60 centímetros ninguém merece; sem contar que o do Torino carioca é menor ainda.

    É o famoso “Confort Shift Passageiro Sífu”.

    Abçs,

    Paulo Gil
    “Buzão e emoção essa é a nossa Paixão”

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: