Empresas de ônibus em SP recebem mais que inflação e Consórcio Leste 4 é o melhor remunerado

ônibus

Ônibus do Consórcio Leste 4. Apesar dos maus serviços reconhecidos até mesmo pela SPTrans e das investigações do Ministério Público Estadual sobre diversas irregularidades, linhas do Consórcio estão entre as que receberam maiores repasses na gestão de Gilberto Kassab. Foto: Adamo Bazani

Empresas de ônibus receberam bem mais que a inflação nos últimos cinco anos
Consórcio Plus e Consórcio Leste 4 foram os que receberam remuneração melhor
AGÊNCIA ESTADO
Nos últimos cinco anos, a Prefeitura de São Paulo deu reajustes nos valores repassados a empresas de ônibus superiores à inflação acumulada no período. Dados obtidos pela reportagem, com base nos aditamentos de contratos feitos pela Secretaria dos Transportes, mostram que, em média, a remuneração por passageiro transportado subiu 58%, enquanto a inflação variou 16,7% e a tarifa, 30,4%. Os números ainda ajudam a explicar o aumento do aperto nos lotações – que receberam repasse abaixo da inflação.
As maiores transferências se destinaram às empresas que administram a rede estrutural, com ônibus maiores em linhas longas. Em sete dos oito contratos, os repasses foram superiores à inflação. No caso do Consórcio Plus, da zona leste, o aumento foi de 45,2%. Em março de 2008, a Prefeitura pagava ao consórcio R$ 1,8312 por usuário transportado. Em maio de 2012, o valor foi para R$ 2,6605.
Apesar disso, é outro o consórcio que recebe a maior quantia por pessoa que gira a catraca. Em setembro, a gestão do ex-prefeito Gilberto Kassab (PSD) elevou para R$ 2,6790 a remuneração unitária do Consórcio Leste 4, investigado por dois anos pelo Ministério Público Estadual por irregularidades como superlotação, partidas não realizadas e presença de ratos e baratas no interior de coletivos.
Por outro lado, os operadores do sistema local de ônibus – cooperativas que administram, em geral, os micro-ônibus em percursos menores – tiveram um aumento bem inferior. Em seis dos oito contratos, a remuneração paga pela Prefeitura por usuário ficou abaixo da inflação, entre 2008 e 2011
Agência Estado.

3 comentários em Empresas de ônibus em SP recebem mais que inflação e Consórcio Leste 4 é o melhor remunerado

  1. Concordo as cooperativas recebem uma media de R$1,42 por passageiro catracado.

  2. Admo continue investigando os sistemas Pois sou do transporte de cooperativas E vivencio estas situações desde os contratos mais antigos Estamos sempre no vermelho, mais nem isso faz com que Transportamos menos passageiros, pois transportamos Mais segundo as planilhas

  3. Olá Adamo bazani no meu entender ás empresas sãos mais remuneradas pq os intinerarios sãos mais longos do que das lotações,eu acho que prefeitura deveria paga tds igual e acabar com estas concorrencias com ônibus e lotações não dar certo as lotações fazendo mesmo intinerario com os ônibus sãos muito disputados,e quero escrever aqui um ex: o que eu vejo direto 3793-10 metro penha -cid tiradentes e tem tb os ônibus da nh com messmo intinerario do que á lotação,guainazes são mateus 3063-10 ônibus e lotação fazendo o mesmo intinerario no meu ver isto é errado pq concorrencia é grande,se vc pegar tb aqui em são miguel linha 2702-10 americana artur alvim tb á concorrencia é muito grande,sem contar que muita vezes aquela briga de ônibus e lotação acaba deixando usuarios nos pontos que ninguem que dar o braço tocer,
    Olha eu trabalho com vendas tem vez que estou no ponto aqui na jacu pessego já presenciei ônibus da linha 354m-10 esta parado no ponto da dom bosco á lotação 3742-10 os operadores desta linha larga td mundo no ponto isto td porque o ônibus esta parado lá tem muita gente que descer na ragueb que pega lotação mais muita vezes eles não para então acho que prefeitura deve pagar td mundo igual e acabar com estas concorrêcias ai !

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: