São Paulo quer câmeras em ônibus para multar invasores de corrredores exclusivos

ônibus
Prefeitura de São Paulo quer colocar câmeras nos vidros dianteiros dos ônibus para multar motoristas e motociclistas que invadem corredores e faixas exclusivas. Foto: Adamo Bazani

Câmeras em ônibus podem multar quem invadir corredores
Proposta é da Prefeitura de São Paulo e visa coibir prática de desrespeito por parte de motoristas de carros e motociclistas
ADAMO BAZANI – CBN
Com Agência Estado
A Prefeitura de São Paulo pretende instalar câmeras no parabrisa dos ônibus urbanos para multar motoristas de carros e motociclistas que invadem corredores e faixas exclusivas para o transporte público.
O objetivo é aumentar a velocidade dos ônibus que hoje é de 13 km/h em média. Até mesmo nos corredores a velocidade é baixa.
As imagens seriam registradas, levadas para a CET e pela placa filmada, o motorista ou motociclista infrator seria multado.
Neste ano devem começar a funcionar os primeiros ônibus com este sistema experimental.
No entanto, a CET deve verificar ainda com o Denatran – Departamento Nacional de Trânsito se há impedimentos legais para o projeto.
Como em junho deve ser finalizada a licitação dos transportes coletivos municipais de São Paulo, a instalação das câmeras deve ser prevista nos novos contratos com as empresas de ônibus.
O funcionamento será como dos radares que fotografam os veículos infratores e depois as imagens são remetidas à central da CET.
De acordo com o Denatran, para se tornar realidade, as câmeras nos ônibus devem ser aprovadas pelo Contran – Conselho Nacional de Trânsito após avaliações de câmaras temáticas. Tecnicamente, o projeto é viável.
O problema de invasões a corredores e faixas de ônibus se tornou crônico na cidade de São Paulo.
Falta fiscalização e sobra desrespeito dos motoristas de carros particulares para quem usa transporte público. No ano passado, a CET aplicou 335,6 multas para quem invadiu corredores e faixas de ônibus, o que representa uma pequena parcela das infrações deste tipo.
Adamo Bazani, jornalista da Ràdio CBN, especializado em transportes