Manaus recebe mais de 300 ônibus novos e prefeito rebate críticas de corrupção

Manaus

Manaus recebeu neste domingo mais 366 ônibus zero quilômetro, ampliando a frota de veículos novos para 831 ônibus. Mas 113 devem chegar e o número vai para 944, acima dos 858 ônibus novos previstos na licitação. Ao todo, até o final do ano, haverá 1 mil 727 ônibus circulando na Capital do Amazonas. Foto: Ed Salles – DA AM 24.

Manaus recebe mais 366 ônibus zero quilômetro
Com a entrega, a frota de veículos novos sobe para 831. Devem chegar mais 113 articulados e a frota de ônibus novos será de 944 veículos.

ADAMO BAZANI – CBN

A cidade de Manaus, no Amazonas, recebeu neste domingo, dia 18 de março de 2012, mais 366 ônibus zero quilômetro para os serviços municipais.
Com isso, sobe para 831 veículos a frota de ônibus novos na cidade.
Entre os ônibus novos apresentados neste domingo, 15 são micro-onibus do Projeto Transporta, que pega os passageiros portadores de necessidades especiais em casa e os leva para tratamentos médicos e outras atividades.
A cerimônia ocorreu na Avenida das Torres, que teve um comboio de ônibus neste domingo.
O prefeito Amazonino Mendes disse que não são apenas ônibus novos que resolvem os problemas de transportes de uma cidade. É necessário haver prioridade ao transporte público no espaço urbano, mas integração e ampliação do número de terminas com readequação de linhas e horários. Mas ele reiterou que a qualidade e a modernidade da frota são fundamentais para a melhoria do conforto e segurança dos passageiros e que renovação faz sim parte de um conjunto de ações de melhorias.
O chefe do executivo de Manaus disse que nos próximos meses devem chegar mais 113 ônibus articulados.
Segundo o prefeito, Manaus é a cidade no País que possui a maior frota de ônibus novos. Com os 113 ônibus articulados previstos para chegarem, a cidade terá 944 veículos renovados.
Já tinham sido entregues 514 ônibus, que circulam pela cidade. Com os ônibus apresentados neste domingo, a frota sobe para 831 ônibus novos. Com mais 113 veículos que ainda devem chegar, serão 944 ônibus entregues zero quilômetro. Estes vão se somar a outros ônibus que têm pouco tempo de uso, o que deve resultar numa frota total de 1 mil 727 veículos de transporte coletivo até o final deste ano.
O edital de licitação previa a colocação de 858. Assim, a meta será superada, mesmo que com atraso, atribuído à grande procura por ônibus nas montadoras e encarroçadoras, o que fez filas de encomendas. As eleições municipais que se aproximam, período quando normalmente há renovação de frota pelo fato de os transportes influenciarem na imagem do administrador local, e as antecipações de renovação de frota por conta da mudança de tecnologia de redução que emissão de poluição que deixa os ônibus mais caros, são algumas das explicações para este mercado aquecido que teria provocado os atrasos em Manaus.
Todos os veículos apresentados neste domingo, a exemplo dos outros novos já entregues, possuem equipamentos para acessibilidade de pessoas com mobilidade reduzida, espaço para fixação de cadeira de rodas, para cão-guia acompanhante de portadores de deficiência visual, balaústres em relevo para este público, maior espaço entre os bancos, corredor mais largo para melhor circulação interna, saídas de emergência e faixas refletivas ao longo da carroceria para os ônibus serem melhor visualizados no período da noite.

DEFESA DE SECRETÁRIO:

Durante a cerimônia de apresentação dos ônibus, o prefeito Amazonino Mendes defendeu o chefe da Superintendência Municipal de Transporte Urbano – SMTU, Marcos Cavalcante.
O superintendente que está afastado é suspeito de ter envolvimento num suposto esquema de propina para a distribuição de selo de permissão de transporte a integrantes de cooperativas de micro – ônibus do Serviço Executivo, mantendo que pagasse o dinheiro exigido no sistema.
Numa das gravações de vídeo, que foram veiculadas pela imprensa local, um dos presidentes de cooperativa disse que a propina paga por quem quisesse continuar no sistema deveria ser destinada a Marcos Cavalcante.
O superintendente pediu afastamento neste sábado dia 17 de março e no lugar dele assumiu provisoriamente a Superintendência Municipal de Transporte Urbano, o vice-diretor da autarquia, Ivison Coelho.
Amazonino diz que Marcos Cavalcante tem sido vítima de injustiça. Na versão do prefeito os vídeos com o suposto esquema de propina nos transportes por cooperativas são de 2007, período, ainda segundo Amazonino, que Cavalcante não estava ainda na autarquia de gerenciamento de transportes.
O Ministério Público do Amazonas – MP – AM abriu um processo aceito pela Justiça e investiga os possíveis crimes de corrupção e formação de quadrilha.
O suposto esquema teria movimentado R$ 2,6 milhões.
Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes.

5 comentários em Manaus recebe mais de 300 ônibus novos e prefeito rebate críticas de corrupção

  1. não sei se isso é inveja ou por que estamos em ano eleitoral municipal.mas,Manaus está dando um belo passo a frente com esses novos onibus,sobretudo os articulados B 12 M-Volvo!

  2. Muito bom o pensamento do prefeito, falando em prioridades para o transporte público.
    logicamente tirando o exagero de dizer que é a Cidade com a maior frota de onibus zero do Pais.

  3. por favor coloque o onibus novo como o 107 bairro santo antônio

  4. Severino da Silva Souza // 3 de junho de 2012 às 16:51 // Responder

    As Linhas do 409 e 407,que atendem aqui no Snangrilá deixam muito a desejar,poi não atendem a real necessidade dos moradores, há muita falha na programação de horários dos ônibus e quando um ou dois ônibus apresentam defeito a espera é angustiante,Já estamos cansados de ouvir,que essas linhas não dão lucro e que por isso devemos nos contentar com o serviço que é oferecido,gostaria de saber,se pode melhorar,pois não só eu,mas muitas outras pessoas dependem substancialmente desses serviços prestados a coletividade Amazonense

  5. pow quando eh que esse pessoal vai se tocar que nao da mais pra enfiar onibus em manaus???

    a cidade ja esta se enchendo de veiculos, se a intencao eh melhorar o transporte coletivo por que o governo nao faz um
    transporte mais rapido e unico na cidade? como por exemplo trens que so se ligam e param somente nos teminais T1, T2, T3, T4 e T5!

    ja os onibus so deveriam se responsabilizar pelos bairros que estao mais proximos!

    simples assim!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: